=" BLOG DO JONYS: Maio 2013

LEIA A BIBLIA SAGRADA

LEIA A BIBLIA SAGRADA
É SALVAÇÃO

sexta-feira, 31 de maio de 2013

FEDERAÇÃO PIAUIENSE ABANDONA PARNAIBA AS VÉSPERAS DO INICIO DA SERIE D

'Estamos jogados às traças', afirma
Paulo Moroni sobre estreia na Série D

Sem apoio, o técnico do Parnahyba já demonstra que os atrasos dos salários já é uma situação insuportável tanto para ele quanto para os jogadores

                                           
Quem viu o time do Parnahyba se virar durante o Campeonato Piauiense para se manter na competição tampouco imaginava que aquela situação poderia piorar. Apesar de segurar os contratempos durante o Estadual, o time não demonstra mais tanto poder de reação para disputar a Série Do Campeonato Brasileiro.
Para a estreia que acontece no domingo (2), o time do litoral acumula os problemas do Piauiense. Os salários já atrasam há mais de três meses e, sem o dinheiro, muitos jogadores deixaram o clube. Os que ficaram não escondem o descontentamento com a realidade.
Paulo Moroni, treinador do Parnahyba (Foto: Josiel Martins)Paulo Moroni diz que o Parnahyba, mesmo sem
apoio, pode jogar bem (Foto: Josiel Martins)
- Esse recurso não se resolve, e a gente fica aqui, sofrendo, querendo ir para casa para ver a nossa família – reclama Idelvando, volante da equipe.
Enquanto a maioria dos representantes da Série D aproveitaram as últimas semanas para fazer ajustes, o Parnahyba praticamente ficou parado. Sem condições de cogitar a possibilidade de contratar jogadores, a diretoria do clube revela que o foco é apenas quitar as dívidas com o elenco.
- Precisamos buscar outros recursos para pagarmos o débito com os jogadores. Não temos condições de contratar agora – diz Batista Filho, gerente de futebol do clube.
Quem mais mostra indignação com a situação é o próprio treinador, Paulo Moroni. O técnico, que possui quatro títulos Piauienses, não prevê uma boa participação do Parnahyba já na estreia da Série D.
- É possível termos um bom resultado. S o Salgueiro vier com força máxima, vai ser bem difícil para a gente. O representante não tem apoio de ninguém! Estamos aí jogados às traças... – desabafa Moroni, em tom de descontentamento.
Com as baixas do goleiro Aranha, do meia Capela e do principal reforço do clube, o atacante Daniel, o Parnahyba estreia na Série D no domingo (2), contra o Salgueiro (PE). O jogo acontece às 18h30, no Estádio Cornélio de Barros, em Pernambuco.

PARNAIBA SE VIRA COMO PODE PRA A ESTREIA.

No feriado, Parnahyba faz coletivo; Capela e Aranha não devem renovar

Sem contrato, meia e goleiro devem ser baixas para a temporada na Série D do Brasileiro. Moroni fala de dificuldades na estreia contra o Salgueiro

                                           A tarde do tradicional feriado católico de Corpus Christi foi sem folga para o elenco do Parnahyba. A equipe, campeã do Piauiense 2013, começa sua trajetória na Série D do Campeonato Brasileiro neste domingo (2) contra o Salgueiro. Para estrear com o pé direito, o time reforça os treinamentos após 10 dias longe do Centro de Treinamento do clube, devido ao atraso no pagamento dos salários dos jogadores. Um coletivo rápido, de pouco mais de 30 minutos, foi comandando pelo treinador Paulo Moroni.
Treino - Parnahyba - Série D (Foto: Kairo Amaral / Acesso 343)Jogadores durante coletivo no CT do Parnahyba (Foto: Kairo Amaral / Acesso 343)
Com exceção do meia Capela, todo o elenco que ganhou o título estadual da temporada participou da atividade. O jogador, um dos destaques na fase final do Piauiense, não pretende renovar contrato com a equipe. A situação é a mesma de Aranha. O goleiro, aliás, treinou nesta quinta-feira (30) isolado do grupo e fez duras críticas à diretoria do Parnahyba. Willian Boré deve ser o substituto na posição.
Com pouco tempo para montar a equipe, Moroni ressaltou as dificuldades no primeiro jogo do Parnahyba na Série D. Três fatores foram citados pelo treinador: a longa viagem, o condicionamento físico e a forte equipe do Salgueiro, que eliminou o Vitória dentro da Arena Fonte Nova na segunda fase da Copa do Brasil.
- Vamos sentir um pouco, até porque já vimos o jogo deles. É uma equipe forte fisicamente e taticamente muito boa. Teremos as nossas dificuldades, apesar de voltarmos de um título estadual. Porém, nossa vantagem é a disposição – explicou Moroni, acrescentando que a equipe necessita de reforços para a temporada na Série D.
Aranha - Goleiro do Parnahyba (Foto: Kairo Amaral / Acesso 343)Aranha treinou isolado do grupo e afirmou que não
renovará contrato (Foto: Kairo Amaral / Acesso 343)
- A competição exige jogadores de nível alto. Já conversamos com alguns que são experientes, não apenas na qualidade, mas que vão dar maturidade ao nosso elenco – completou.
Até o momento, a única contratação anunciada pela equipe foi o volante Alessandro, ex-Flamengo. De acordo com a diretoria, os reforços serão incorporados ao grupo apenas na segunda rodada do torneio nacional, quando o Parnahyba recebe o Ypiranga-AP no Estádio Verdinho. A partida contra o Salgueiro acontece às 18h30, no Estádio Cornélio de Barros, em Pernambuco.

quarta-feira, 29 de maio de 2013

COM MUITA DIFICULDADE PARNAIBA SE PREPARA PARA DISPUTA DA SÉRIE D

EM MEIO A MUITAS DIFICULDADES CAUSADA PELO TIME DO RIVER NO TJD, O TIME DO  PARNAIBA VOLTOU AOS TREINAMENTOS NO CT DO TUBARÃO SE PREPARANDO PARA O DIFICIL JOGO CONTRA O SALGUEIRO DE PERNAMBUCO DOMINGO PRÓXIMO DIA 02 DE JUNHO 2013.
             DO ELENCO CAMPEÃO PIAUIENSE, O TECNICO PAULO MORONI PODERÁ PERDER VARIOS ATLETAS COMO : CAPELA,IVAN,O GOLEIRO ARANHA E O LATERAL BARATA.
                      O MEIA CAPELA INSATISFEITO COM A SITUAÇÃO FINANCEIRA DO CLUBE NÃO QUER MAIS FICAR NO CLUBE E DEVERÁ SAIR PARA OUTRA AGREMIAÇÃO.
       O LATERAL BARATA PODE DEIXAR O CLUBE TAMBEM TÃO LOGO AS PENDÊNCIAS FINANCEIRAS SEJAM RESOLVIDAS.
                         O GOLEIRO ARANHA TAMBEM NÃO ESTA SE SENTINDO CONFORTÁVEL COM A SITUAÇÃO E DEVE DEIXAR O CLUBE NAS PRÓXIMAS HORAS,TALVEZ NEM VIAJE PARA SALGUEIRO.
                O MESMO DEVERA ACONTECER COM JOGADOR  IVAN ,ESTE POSSIVELMENTE JÁ TENHA PROPOSTA DE OUTRA EQUIPE. 
ATE AGORA A NOVIDADE DO CLUBE FOI A CONTRATAÇÃO DO VOLANTE ALESSANDRO QUE ATUARA PELO FLAMENGO NO CAMPEONATO PIAUIENSE.

segunda-feira, 27 de maio de 2013

ACABOU A PALHAÇADA TRIBUNAL DECIDE PARNAIBA É CAMPEÃO.2013

Tribunal reconhece que Eridon jogou regularmente

O Tribunal de Justiça Desportiva, em sessão que durou 2 horas e 5 minutos, conheceu do recurso voluntário interposto pelo Parnahyba Spot Club, mas negando-lhe provimento e mantendo a punição de cinco jogos para o atleta Eridon. O resultado, no entanto, foi comemorado pelo Parnahyba, tendo em vista que, por 5 votos a 1, os auditores do TJD também consideraram que o atleta Eridon jogou a decisão do Campeonato Piauiense de forma regular.


ACOMPANHE A SESSÃO DO TJD EM TEMPO REAL

CLIQUE F5 PARA ATUALIZAR AS INFORMAÇÕES

RESULTADO  DO JULGAMENTO

Por maioria de votos, o Parnahyba está com seu direito assegurado, mantida a suspensão de cinco jogos, com o jogador Eridon tendo atuado regularmente a decisão do Campeonato Piauiense.

O JULGAMENTO DO MÉRITO

Antônio Wilson - Conhece do recurso, mas nega provimento ao mesmo e mantém a decisão de 5 jogos de suspensão de Eridon.
Raimundo Batista Filho - Conhece do recurso, mas nega provimento, mantendo a punição de cinco jogos.
Hugo Cardoso - Conhece do recurso, mas nega provimento, mantendo a punição de cinco jogos.
Gilson Gil - Pede vista dos autos e lhe é dado 10 minutos para rever os autos. Em seguida, vota pelo conhecimento do recurso, mas nega provimento, mantendo 5 jogos de suspensão. Ele acrescenta, porém, que o TJD deve se manifestar sobre o efeito suspensivo e opina que deve ser julgado, também, o mérito da reconsideração solicitada pelo River. Entendendo que o atleta jogou de forma regular contra o River.
Lucídio Paiva -Conhece do recurso, nega provimento e mantém a suspensão de 5 jogos.
José do Egito - Voto vencido, diverge do relator e do procurador e não concorda com a concessão do efeito suspensivo nos termos em que ele foi concedido, entendendo que a partida automática não entra como cumprimento de pena imposta pela Comissão Disciplinar, mas sim de que essa partida serve apenas para diminuir o conteúdo da pena. Em síntese, diz "continuo entendendo que o jogador Eridon jogou a partida final do Campeonato Piauiense de forma irregular. Meu voto é - concordo com a punição de 5 partidas, não concordando com a concessão do efeito suspensivo porque, quando o Parnahyba primeiro pleiteou o efeito suspensivo, o Eridon tinha cumprido apenas 1 partida, e a concessão do efeito suspensivo foi de forma irregular. Por maioria de votos, o efeito suspensivo está mantido e a punição também está mantida.

A PARTE INICIAL DA SESSÃO
Dentro de alguns instantes será iniciada a sessão do Tribunal de Justiça Desportiva em que será julgado o recurso voluntário interposto pelo Parnahyba Sport Club, após a suspensão de 5 jogos imposta ao zagueiro Eridon.

Estão presentes os auditores José do Egito Barbosa, Antônio Wilson, Lucídio Paiva, Gilson Gil, Raimundo Batista Filho e Hugo Cardoso. A sessão é iniciada às 19h02. A secretária do TJD efetua a leitura da ata da última reunião.

O presidente do TJD, José do Egito, comunica que o advogado do Parnahyba, Marcelo Celestino, substabeleceu o mandato para os advogados Hélio Alelaf e Miguel Bezerra. 

Nos termos do art. 125, do CBJD, o presidente do TJD, José do Egito Barbosa comunica que o relator passa a ser o auditor Antônio Wilson, em face da ausência do relator Everanes Alves não ter comparecido por motivos funcionais na Justiça Federal.

O advogado Miguel Bezerra, do Parnahyba, questiona a presença do River como parte interessada.

Às 19h16, o auditor Antônio Wilson, começa a falar na qualidade de relator indicado. Às 19h20, o relatório é concuído. Em seguida, o presidente do TJD passa a palavra ao Procurador Geral, Raimundo Miranda, que terá 10 minutos para falar.

Às 19h21 o Procurador raimundo Miranda começa a ler o seu parecer. Miranda opina para que o recurso seja recebido, mas que seja mantida a decisão da Comissão Disciplinar, com o atleta devendo continuar punido pelos 5 jogos. No entendimento do relator, o atleta Eridon deverá cumprir o restante da punição nos campeonatos futuros, em nada prejudicando o campeonato recém encerrado.
Às 19h34, o presidente do TJD coloca em votação a questão de ordem levantada pelo Parnahyba, de que o River, tecnicamente, não deve fazer parte do processo.

Os auditores, por unanimidade, entendem que o River é parte interessada e deve participar da discussão.

Às 19h37, começa as alegações verbais do advogado Miguel Bezerra, do Parnahyba Sport Club.Miguel diz que o recurso está perfeito e que nada poderá retroagir em prejuízo do Parnahyba. "O atleta jogou sob o manto de uma liminar concedida legalmente pelo TJD", afirma Miguel Bezerra. "O Parnahyhba está tranquilo, porque confia plenamente neste tribunal. Nós queremos fazer um pedido - a absolvição total do atleta".

Às 19h43, é dada a palavra ao advogado do River, Augusto Cesar. O Parnahyba alega, questão de ordem, que o advogado não está habilitado. O presidente do TJD autoriza o advogado Augusto Cesar a defender o River.

Às 19h59, o advogado do River encerra suas alegações, solicitando que o recurso seja negado.

Às 20h00, o presidente do TJD, José do Egito, esclarece o andamento do caso Eridon. "Quando ele entrou com o pedido de efeito suspensivo, dia 10, então, ele, pela explicação da FIFA, ele não tinha cumprido nenhuma, de acordo com a FIFA. Quando eu neguei o efeito suspensivo, neguei pelo fato do Parnahyba ter peticionado e esta tinha que ser feita pelo punido. Em seguida, concedi o prazo de 24 horas para que o Parnahyba fizesse a juntada da procuração do Eridon. Quando o Parnahyba o fez, o Eridon tinha cumprido uma partida da punição de cinco jogos".

"Eu quero deixar bem claro que o que fizemos aqui é por que o caso era premente e eu teria que agilizar, por uma questão de celeridade processual e por não haver prejuízo nem para A nem para B. Na realidade, nós temos 2 partidas cumpridas, mas apenas uma da suspensão, haja visto que a pena da suspensão automática vai diminuir uma da pena. Em resumo, o alteta cumpriu a automática e uma do dia 12".

Há 10 minutos que os auditores e advogados discutem sobre quantos jogos, legalmente, Eridon teria ou não cumprido pela pena.

sábado, 25 de maio de 2013

MAIS 4 EQUIPES PARA VC CURTIR .TIMES DE PARNAIBA

 FIGUEIRENSE DA GUARITA.
 PINDORAMA  BAIRRO PINDORAMA.
 COLORADO ,TIME DO BAIRRO SÃO JOSÉ.
JAET , TIME DO BIRRO DO CARMO.

sexta-feira, 24 de maio de 2013

SERIE EQUIPES PARNAIBANAS

 TIME DO AJAX ,BAIRRO SÃO JOSÉ ,LIDERADO PELO SGT FABRICIANE.
 BLUMENAU TIME FILIADO A LPD
ANTIGO TIME DO BAHIA,OS TORCEDORES MAIS ANTIGOS NÃO ESQUECEM DAS PELEJAS NO CAMPO DAS MERCEDES.

quinta-feira, 23 de maio de 2013

TIMES PARNAIBANOS

 CAIÇARA TIME DO BAIRRO CEARA .
 CORINTIANS EQUIPE DA PRIMEIRA DIVISÃO DA LPD.
FLAMENGO DO BAIRRO NOVA PARNAIBA (ANTIGO CURRE) MANDAVA SEUS JOGOS NO CAMPO DA MERCEDES.

RIVER TENTA MELAR FESTA DO TUBARÃO NO TDJ.NO CAMPO NÃO DEU.

23/05/2013 12h44 - Atualizado em 23/05/2013 13h47

TJD-PI julga ação contra Parnahyba
na segunda; River-PI questiona taça

Ação foi impetrada na quarta-feira pelo River-PI contra o Parnayba. Corte
irá apreciar duas ações contra o Parnahyba, campeão do Piauense 2013

Por João Henrique Bezerra Teresina
O próximo capítulo da final do Campeonato Piauiense possui data definida. Na próxima segunda-feira (27), o Tribunal de Justiça Desportiva do Piauí (TJD-PI) irá julgar a ação impetrada pelo River-PI que questiona o título conquistado pelo Parnahyba dentro de campo.
A ação foi impetrada, na noite da última quarta-feira (22), pelo presidente do Galo, Elizeu Aguiar. O dirigente apresentou duas denúncias contra o Parnahyba, que podem acarretar a perca título Estadual. Uma das denúncias se refere ao pagamento de uma multa, ainda do ano passado, que só teria sido quitada pela direção azulina na fase semifinal do campeonato deste ano. Já a segunda, trata-se da atuação do zagueiro Eridon na final. O jogador foi suspenso com cinco jogos.
Elizeu Aguiar, presidente do River-PI (Foto: Josiel Martins)Elizeu Aguiar, presidente do River-PI, aguarda julgamento da ação contra Parnahyba (Foto: Josiel Martins)
- Entendemos que Eridon jogou irregular porque ele recebeu o efeito suspensivo sem ao menos o processo ter tramitado. Se há irregularidades, queremos que sejam reparados os erros. Nós cumprimos com todas as regras e elas existem para todos. Vamos provar na Justiça Desportiva que houve um erro. A liberação de Eridon não poderia ter acontecido – reclama o presidente do River-PI.
saiba mais
A marcação do julgamento das denúncias apresentadas pelo Galo foi anunciada nesta quinta-feira (23) pelo presidente do TJD-PI, José do Egito Barbosa. De acordo com ele, o processo foi protocolado e encaminhado para o procurador geral da corte, Raimundo Nonato Barbosa, que ainda não ofereceu seu parecer sobre o caso. Então, o presidente do TJD-PI decidiu reunir a corte somente na próxima semana.
- Como o procurador ainda está analisando o processo, acredito que não dê tempo para julgá-lo nesta sexta. Portanto, já vou fazer a convocação dos auditores para que o julgamento aconteça na segunda-feira (27). Assim, ainda dá tempo para o início da Série D – destacou José do Egito.
O Parnahyba ganhou o direito de representar o Piauí na Série D do Campeonato Brasileiro após vencer e empatar com o Galo nos dois jogos da final da competição. No entanto, caso o River-PI vença o processo será a primeira vez na história do futebol profissional do Piauí que um clube campeão perderá a taça através da justiça.

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE D COMEÇA PARA O PARNAIBA DIA 1º DE JUNHO


23/05/2013 11h53 - Atualizado em 23/05/2013 11h53

Parnahyba aguarda prefeitura para definir dispensas e contratar reforços

Clube aguarda repasse do poder público para quitar os salários dos jogadores do atual elenco e, depois disso, realizar dispensas e contratações

Por Wenner Tito Teresina
Batista Filho - Parnahyba 2012 (Foto: Divulgação)Batista Filho diz que intenção do Parnahyba é contratar
cerca de sete reforços para a Série D (Foto: Divulgação)
A diretoria do Parnahyba se reuniu, na noite da última quarta-feira (22), para discutir o futuro do time em relação à disputa da Série D do Campeonato Brasileiro. Mesmo apontando alguns nomes como possíveis reforços, o clube aguarda primeiro a definição quanto ao pagamento do repasse da prefeitura para quitar os salários do elenco atual e decidir sobre as possíveis dispensas.
Na reunião, que aconteceu a portas fechadas na sede do clube, alguns nomes foram apontados como de interesse. Como já havia adiantado o presidente José Lima, a intenção é selecionar jogadores que se destacaram no Campeonato Piauiense. Assim, aparecem nomes como o lateral Totty, do River-PI, os flamenguistas Robson, Rafael Araújo, Rafinha e Alessandro, e os atacantes Cafezinho e Raphael Freitas, que se destacaram por Cori-Sabbá e Picos, respectivamente.
- Nossa intenção é contratar em torno de sete jogadores: um goleiro, um zagueiro, um lateral, um volante, um meia e dois atacantes. Não é que sejam posições carentes, mas que queremos reforçar – diz Batista Filho, gerente de futebol do clube.
                  Todos estes nomes, no entanto, não passam de um interesse informal até o momento e nenhum contato foi feito com esses jogadores de forma oficial. Antes o clube pretende acertar a situação do atual elenco. Caso saia o pagamento do repasse da prefeitura, os salários de abril e maio serão quitados com os jogadores, e aí será definido o futuro de cada um.
- Estamos esperando o dinheiro da prefeitura antes de ir atrás dos reforços. Deve sair até sexta-feira (24), e aí nós vamos definir quem fica e quem sai, deve haver algumas dispensas – afirma.
A estreia do Parnahyba na Série D do Campeonato Brasileiro está prevista para o próximo dia 1º, diante do Salgueiro, em Pernambuco. Entretanto, o presidente do River-PI pretende entrar com uma ação na justiça para tirar o título piauiense do Tubarão, e assim ficar com a vaga na competição nacional.

PARNAIBA SE PREPARA PARA A SÉRIE D

 O PRESIDENTE DO PARNAIBA SPORT CLUBE, ZE LIMA , RECEBENDO A PREMIAÇÃO PELA CONQUISTA.
 TODO O ELENCO DO PARNAIBA SENDO HOMENAGEADOS COM A MEDALHA DO MÉRITO LEGISLATIVO.PELA A BRILHANTE CONQUISTA DO CERTAME DE 2013.
O VICE CAZÉ NEVES UM BALUARTE.

                           Ontem foi a primeira reunião da diretoria do Parnaiba ,acerca da participação do Campeão Piauiense 2013, na serie D do Campeonato brasileiro.foi decidido que apartir de segunda feira, começara de fato o corre corre por contratações para formar uma equipe,tendo em vista que os contratos vigentes terminaram assim que o cameponato Piauiense acabou.comenta-se que as contratações de reforços ira começar com os melhores do campeonato 2013 como:Edson Di (atacante do Flamengo-PI), Raphael Freitas (artilheiro do campeonato pelo Picos), Robson (eleito o melhor goleiro do certame), Fabiano (atacante que disputou o piauiense pelo Piauí) entre outros atletas.

terça-feira, 21 de maio de 2013

SELEÇÃO DO CAMPEONATO PIAUIENSE 2013.

 ONTEM FOI A FESTA DE PREMIAÇÃO DOS MELHORES DO CAMPEONATO CHEVROLET 2013, ONDE O PARNAIBA FOI CAMPEÃO ESTADUAL VEJA OS MELHORES ACIMA:
 ALTETA REVELAÇÃO DO CAMPEONATO.
 MELHOR TÉCNICO; PAULO MORONI  (ACIMA) ELIZEU AGUIAR(ABAIXO) MELHOR DIRIGENTE.
Adicionar legenda

 PRINCIPAIS ARTILHEIROS DA COMPETIÇÃO.

CLASSIFICAÇÃO FINAL



CAMPEÃO: PARNAHYBA SPORT CLUB

2° River Atlético Clube.

3° Esporte Clube Flamengo

4° Piauí Esporte Clube

5° 4 de Julho Esporte Clube

6° Associação Atlética Cori-Sabbá

7° Barras Futebol Club

8° Sociedade Esportiva de Picos



Raphael Freitas terminou o campeonato como principal artilheiro, com 10 gols marcados para a SEP.



ARTILHEIROS



10 gols - Raphael Freitas (Picos).



8 gols - Pretinho (4 de Julho) e Fabiano (Piauí).



7 gols - Cafezinho (Cori-Sabbá), Zé Rodrigues (Parnahyba) e Anderson Kamar (River).



6 gols - Edson Di (Flamengo).



5 gols - Augusto (Flamengo).



4 gols - Joniel (4 de Julho) e Tadeu (Picos).



3 gols - Anderson Baiano, Felipe (Barras), Laércio (Flamengo), Fabinho, Capela, Luciano (Parnahyba), Maninho, Boiadeiro (Piauí) e Maranhão (River).



2 gols - Juninho Maranhense (4 de Julho), Luiz Henrique, Paulo Roberto, Dylson, Non (Barras), Jackson, Ranielson, Cleiton Mendes (Cori-Sabbá), Rafinha, Niel (Flamengo), Marcos Gasolina, Ivan, Gilmar Bahia (Parnahyba), Thiago Campelo, Victor, Darley (Piauí), Jarbas (Picos), Isael William, Tote, Thiago Marabá e Rhuann (River).



1 gol - Renan Carioca, Flávio Barros, Marlon, Wilsinho, Renan (4 de Julho), Wenderson, Fred, Helder, Wander (Barras), Diego, Cacá, Klayton Maranhão, Pelezinho, Anderson, Vanin (Cori-Sabbá), Neílson, Alessandro (Flamengo), Everton Felipe, Idelvando, Eridon, Daniel, Totonho (Parnahyba), Diego, Girlan (Piauí), Rodolfo, Renato Frota, Jefferson Pipoca, Bibi, Jairo, Boni, Marcinho (Picos), Jardel, Pantico, Bruno Carvalho, Zé Rodolpho, Célio e Jeferson (River).



GOLS CONTRA



1 gol - Batuta (Barras, em favor do Flamengo), Jackson (Cori-Sabbá, em favor do River), Rafael Araújo (Flamengo, em favor do 4 de Julho), Laércio (Flamengo, em favor do 4 de Julho), Binha (Piauí, em favor do Flamengo), Carlos Eduardo (Piauí, em favor do Cori-Sabbá), Thiago Campelo (Piauí, em favor do 4 de Julho) e Jó (River, em favor do Parnahyba).







Robinho sai de soco e afasta o perigo. Com a média de 1 gol sofrido por jogo, ele foi o goleiro de melhor aproveitamento.







GOLEIROS COM MELHOR APROVEITAMENTO

(Média de gols por partida - somente os que mais jogaram)



1 gol por jogo - Robinho (River) - 17 gols em 17 jogos

1,06 - Robson (Flamengo) - 17 gols em 16 jogos.

1,09 - Aranha (Parnahyba) - 12 gols em 11 jogos

1,28 - Bel (4 de Julho) - 9 gols em 7 jogos

1,33 - Andrey (Cori-Sabbá), 16 gols em 12 jogos.

1,42 - Mondragon (Picos) - 10 gols em 7 jogos.

1,55 - Douglas (Barras) - 14 gols em 9 jogos.

1,66 - Rafael (4 de Julho) - 10 gols em 6 jogos.

1,72 - Neto (Piauí) - 19 gols em 11 jogos

1,83 - Clébio (Picos) - 11 gols em 6 jogos.

2 gols por jogo - Danilo (Barras), 12 gols em 6 jogos



Eridon (3) já estava na cobertura, mas Luciano (8) replica de cabeça, impedindo que a bola chegue a Kamar. O Lindolfo Monteiro foi o estádio mais utilizado no Campeonato Piauiense.



ESTÁDIOS UTILIZADOS



25 jogos - Lindolfo Monteiro (Teresina).

9 jogos - Mão Santa (Parnaíba).

7 jogos - Helvídio Nunes (Picos), Ytacoatiara (Piripiri), Juca Fortes (Barras) e Tibério Nunes (Floriano).



Antônio Dib (entre Thyago Leitão e Edmilson Timóteo): 10 atuações como árbitro no atual campeonato.



ARBITRAGENS



10 jogos - Antônio Dib Moraes de Sousa, Antônio Santos Nunes e Francisco Pereira de Lima Júnior.

8 jogos - Afonso Amorim de Sousa.

7 jogos - Júlio Cesar de Oliveira Gonçalves.

6 jogos - Antônio José Lopes Trindade de Sousa e Leonardo Marques Fortes.

5 jogos - Rogério de Oliveira Braga.



O ataque do Parnahyba foi o mais eficiente, com 29 gols, 7 deles de Zé Rodrigues, como este, cobrando pênalti.



ATAQUES



29 gols - Parnahyba.

25 gols - River.

23 gols - Picos.

22 gols - 4 de Julho, Flamengo e Piauí.

20 gols - Cori-Sabbá.

18 gols - Barras.



Alessandro, Laércio e Rafael Araújo: a zaga do Flamengo foi a que sofreu menos gols na competição.



DEFESAS



17 gols - Flamengo.

20 gols - 4 de Julho.

21 gols - Cori-Sabbá e River

24 gols - Parnahyba e Picos.

26 gols - Barras.

28 gols - Piauí.



ATLETAS EXPULSOS



2 jogos - Marlon, Renan (4 de Julho), Gilmar Bahia (Parnahyba) e Fabiano (Picos).

1 jogo - Marcelo (4 de Julho), Andson, Batata, Douglas, Felipe, Dalton, Fred (Barras), Alan, Baby, Klayton Maranhão, Anderson (Cori-Sabbá), Darlan, Bruno Potiguar, Marcelo (Flamengo), Damisson, Marcos Gasolina, Totonho, Eridon (Parnahyba), Jorginho, Diego (Piauí), Jarbas, Júnior Cearense (Picos), Alisson, Jó, Anderson Kamar, Chicão, Bruno Carvalho, Isael William e Gabriel (River).



Edson Di, o 11 rubro-negro, foi autor de uma marca história - o 100° gol da competição.



MARCAS HISTÓRICAS



1º gol - Jackson (Cori-Sabbá, contra), no jogo Cori-Sabbá 1x1 River, em 26/01/2013.

50° gol - Rafael Araújo (Flamengo, contra), no jogo Flamengo 0x3 4 de Julho, em 24/02/2013.

100° gol - Edson Di (Flamengo), no jogo Flamengo 5x1 Piauí, em 24/03/2013.

150° gol - Renan (4 de Julho), no jogo Barras 1x4 4 de Julho, em 24/04/2013.

181° e último gol - Jó (River, contra), no jogo River 2x2 Parnahyba, em 19/05/2013.



Wilsinho contra Fabiano. O lateral do 4 de Julho marcou o gol mais rápido da competição.



GOLS MAIS RÁPIDOS



1 minuto - Wilsinho (4 de Julho), no jogo 4 de Julho 4x2 Picos, em 23/03/2013.

2 minutos - Rhuann (River), no jogo Parnahyba 4x1 River, em 24/04/2013.

3 minutos - Capela (Parnahyba), no jogo Parnahyba 4x1 Flamengo, em 05/05/2013.



MAIORES GOLEADAS



27/03/2013 - Picos 5x0 Barras - Helvídio Nunes.

24/03/2013 - Flamengo 5x1 Piauí - Lindolfo Monteiro

27/03/2013 - Piauí 1x4 Cori-Sabbá - Lindolfo Monteiro.

24/04/2013 - Barras 1x4 4 de Julho - Juca Fortes.

24/04/2013 - Parnahyba 4x1 River - Mão Santa.

05/05/2013 - Parnahyba 4x1 Flamengo



Apesar do vice-campeonato, Edson Porto foi o técnico que mais venceu no Campeonato Piauiense, com 9 vitórias à frente do River.



TÉCNICOS QUE MAIS VENCERAM



9 jogos - Edson Porto (River).

8 jogos - Paulo Moroni (Parnahyba).

5 jogos - Fernando Tonet (Piaui).

4 jogos - Nelson Mourão (4 de Julho 1 e Cori-Sabbá 3) e Danilo Queiróz (Barras).



TÉCNICOS QUE MAIS PERDERAM



6 jogos - Nelson Mourão (4 de Julho 3 e Cori-Sabbá 3) e Danilo Queiroz (Barras).

5 jogos - Paulo Moroni (Parnahyba), Fernando Tonet (Piauí) e Edson Porto (Riveer).

4 jogos - Cicero Monteiro (Picos) e Jorge Pinheiro (4 de Julho).

3 jogos - Vanin (Cori-Sabbá) e Ferrim Cearense (Picos).


segunda-feira, 20 de maio de 2013

LITORAL EM FESTA TITULO MERECIDO.

Os números finais do Campeonato Piauiense 2013

Parnahyba Sport Club: bicampeão piauiense 2012/2013.
Finalizado mais um Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais, o Parnahyba Sport Club tornou-se bicampeão piauiense, conquistando seu 12ª título de campeão piauiense e garantindo, além de uma premiação em torno de R$ 100.000,00 e um automóvel 0km, a participação no Campeonato Brasileiro (Série D) 2013 e na Copa do Brasil 2014.
Nos números do certame, ressalte-se a artilharia com o atacante Raphael Freitas, da SEP. Foi a primeira vez que um atleta do time de Picos conseguiu esta proeza no século XXI. E o futebol da capital perdeu seu quarto títuo consecutivo, uma vez que Comercial (2010) e 4 de Julho (2011) foram os campeões antes do bicampeonato do Tubarão. Adiante, confira alguns números da competição promovida pela FFP. 

CLASSIFICAÇÃO FINAL

CAMPEÃO: PARNAHYBA SPORT CLUB
2° River Atlético Clube. 
3° Esporte Clube Flamengo
4° Piauí Esporte Clube
5° 4 de Julho Esporte Clube
6° Associação Atlética Cori-Sabbá
7° Barras Futebol Club
8° Sociedade Esportiva de Picos 
Raphael Freitas terminou o campeonato como principal artilheiro, com 10 gols marcados para a SEP.
ARTILHEIROS

10 gols - Raphael Freitas (Picos).

8 gols - Pretinho (4 de Julho) e Fabiano (Piauí).

7 gols - Cafezinho (Cori-Sabbá), Zé Rodrigues (Parnahyba) e Anderson Kamar (River).

6 gols - Edson Di (Flamengo).

5 gols - Augusto (Flamengo).

4 gols - Joniel (4 de Julho) e Tadeu (Picos).

3 gols - Anderson Baiano, Felipe (Barras), Laércio (Flamengo), Fabinho, Capela, Luciano (Parnahyba), Maninho, Boiadeiro (Piauí) e Maranhão (River).

2 gols - Juninho Maranhense (4 de Julho), Luiz Henrique, Paulo Roberto, Dylson, Non (Barras), Jackson, Ranielson, Cleiton Mendes (Cori-Sabbá), Rafinha, Niel (Flamengo), Marcos Gasolina, Ivan, Gilmar Bahia (Parnahyba), Thiago Campelo, Victor, Darley (Piauí), Jarbas (Picos), Isael William, Tote, Thiago Marabá e Rhuann (River).

1 gol - Renan Carioca, Flávio Barros, Marlon, Wilsinho, Renan (4 de Julho), Wenderson, Fred, Helder, Wander (Barras), Diego, Cacá, Klayton Maranhão, Pelezinho, Anderson, Vanin (Cori-Sabbá), Neílson, Alessandro (Flamengo), Everton Felipe, Idelvando, Eridon, Daniel, Totonho (Parnahyba), Diego, Girlan (Piauí), Rodolfo, Renato Frota, Jefferson Pipoca, Bibi, Jairo, Boni, Marcinho (Picos), Jardel, Pantico, Bruno Carvalho, Zé Rodolpho, Célio e Jeferson (River). 

GOLS CONTRA

1 gol - Batuta (Barras, em favor do Flamengo), Jackson (Cori-Sabbá, em favor do River), Rafael Araújo (Flamengo, em favor do 4 de Julho), Laércio (Flamengo, em favor do 4 de Julho), Binha (Piauí, em favor do Flamengo), Carlos Eduardo (Piauí, em favor do Cori-Sabbá), Thiago Campelo (Piauí, em favor do 4 de Julho) e Jó (River, em favor do Parnahyba).
Robinho sai de soco e afasta o perigo. Com a média de 1 gol sofrido por jogo, ele foi o goleiro de melhor aproveitamento.
GOLEIROS COM MELHOR APROVEITAMENTO
(Média de gols por partida - somente os que mais jogaram)

1 gol por jogo - Robinho (River) - 17 gols em 17 jogos
1,06 - Robson (Flamengo) - 17 gols em 16 jogos.
1,09 - Aranha (Parnahyba) - 12 gols em 11 jogos
1,28 - Bel (4 de Julho) - 9 gols em 7 jogos
1,33 - Andrey (Cori-Sabbá), 16 gols em 12 jogos.
1,42 - Mondragon (Picos) - 10 gols em 7 jogos.
1,55 - Douglas (Barras) - 14 gols em 9 jogos.
1,66 - Rafael (4 de Julho) - 10 gols em 6 jogos.
1,72 - Neto (Piauí) - 19 gols em 11 jogos
1,83 - Clébio (Picos) - 11 gols em 6 jogos.
2 gols por jogo - Danilo (Barras), 12 gols em 6 jogos 
Eridon (3) já estava na cobertura, mas Luciano (8) replica de cabeça, impedindo que a bola chegue a Kamar. O Lindolfo Monteiro foi o estádio mais utilizado no Campeonato Piauiense.
ESTÁDIOS UTILIZADOS

25 jogos - Lindolfo Monteiro (Teresina).
9 jogos - Mão Santa (Parnaíba).
7 jogos - Helvídio Nunes (Picos), Ytacoatiara (Piripiri), Juca Fortes (Barras) e Tibério Nunes (Floriano). 
Antônio Dib (entre Thyago Leitão e Edmilson Timóteo): 10 atuações como árbitro no atual campeonato.
ARBITRAGENS

10 jogos - Antônio Dib Moraes de Sousa, Antônio Santos Nunes e Francisco Pereira de Lima Júnior.
8 jogos - Afonso Amorim de Sousa.
7 jogos - Júlio Cesar de Oliveira Gonçalves.
6 jogos - Antônio José Lopes Trindade de Sousa e Leonardo Marques Fortes.
5 jogos - Rogério de Oliveira Braga.
O ataque do Parnahyba foi o mais eficiente, com 29 gols, 7 deles de Zé Rodrigues, como este, cobrando pênalti.
ATAQUES

29 gols - Parnahyba.
25 gols - River.
23 gols - Picos.
22 gols - 4 de Julho, Flamengo e Piauí.
20 gols - Cori-Sabbá.
18 gols - Barras.
Alessandro, Laércio e Rafael Araújo: a zaga do Flamengo foi a que sofreu menos gols na competição.
DEFESAS

17 gols - Flamengo.
20 gols - 4 de Julho.
21 gols - Cori-Sabbá e River
24 gols - Parnahyba e Picos.
26 gols - Barras.
28 gols - Piauí.

ATLETAS EXPULSOS

2 jogos - Marlon, Renan (4 de Julho), Gilmar Bahia (Parnahyba) e Fabiano (Picos).
1 jogo - Marcelo (4 de Julho), Andson, Batata, Douglas, Felipe, Dalton, Fred (Barras), Alan, Baby, Klayton Maranhão, Anderson (Cori-Sabbá), Darlan, Bruno Potiguar, Marcelo (Flamengo), Damisson, Marcos Gasolina, Totonho, Eridon (Parnahyba), Jorginho, Diego (Piauí), Jarbas, Júnior Cearense (Picos), Alisson, Jó, Anderson Kamar, Chicão, Bruno Carvalho, Isael William e Gabriel (River).
Edson Di, o 11 rubro-negro, foi autor de uma marca história - o 100° gol da competição.
MARCAS HISTÓRICAS

1º gol - Jackson (Cori-Sabbá, contra), no jogo Cori-Sabbá 1x1 River, em 26/01/2013.
50° gol - Rafael Araújo (Flamengo, contra), no jogo Flamengo 0x3 4 de Julho, em 24/02/2013.
100° gol - Edson Di (Flamengo), no jogo Flamengo 5x1 Piauí, em 24/03/2013.
150° gol - Renan (4 de Julho), no jogo Barras 1x4 4 de Julho, em 24/04/2013.
181° e último gol - Jó (River, contra), no jogo River 2x2 Parnahyba, em 19/05/2013.
Wilsinho contra Fabiano. O lateral do 4 de Julho marcou o gol mais rápido da competição.
 GOLS MAIS RÁPIDOS

1 minuto - Wilsinho (4 de Julho), no jogo 4 de Julho 4x2 Picos, em 23/03/2013.
2 minutos - Rhuann (River), no jogo Parnahyba 4x1 River, em 24/04/2013.
3 minutos - Capela (Parnahyba), no jogo Parnahyba 4x1 Flamengo, em 05/05/2013.

MAIORES GOLEADAS

27/03/2013 - Picos 5x0 Barras - Helvídio Nunes.
24/03/2013 - Flamengo 5x1 Piauí - Lindolfo Monteiro
27/03/2013 - Piauí 1x4 Cori-Sabbá - Lindolfo Monteiro.
24/04/2013 - Barras 1x4 4 de Julho - Juca Fortes.
24/04/2013 - Parnahyba 4x1 River - Mão Santa.
05/05/2013 - Parnahyba 4x1 Flamengo 
Apesar do vice-campeonato, Edson Porto foi o técnico que mais venceu no Campeonato Piauiense, com 9 vitórias à frente do River.
TÉCNICOS QUE MAIS VENCERAM

9 jogos - Edson Porto (River).
8 jogos - Paulo Moroni (Parnahyba).
5 jogos - Fernando Tonet (Piaui).
4 jogos - Nelson Mourão (4 de Julho 1 e Cori-Sabbá 3) e Danilo Queiróz (Barras). 

TÉCNICOS QUE MAIS PERDERAM

6 jogos - Nelson Mourão (4 de Julho 3 e Cori-Sabbá 3) e Danilo Queiroz (Barras).
5 jogos - Paulo Moroni (Parnahyba), Fernando Tonet (Piauí) e Edson Porto (Riveer).
4 jogos - Cicero Monteiro (Picos) e Jorge Pinheiro (4 de Julho).
3 jogos - Vanin (Cori-Sabbá) e Ferrim Cearense (Picos).

domingo, 19 de maio de 2013

HOMENAGEM AOS GUERREIROS CAMPEÕES DO PARNAIBA SPORT CLUBE





HOMENAGEM DO BLOG DO JONYS, AOS GUERREIROS (HEROIS) DO BICAMPEONATO PIAUIENSE 2012/2013,MUITOS DESTES,APESAR DAS DIFICULDADES QUE SÓ NOIS QUE ACOMPANHAMOS O DIA  A DIA DO CLUBE SABEMOS COMO FOI DIFÍCIL,NÃO SE ENTREGARAM E COM A FORÇA  E VONTADE DE VENCER ,AGORA SÃO COROADOS COM A VITORIA NO CAMPO DO RIVAL.


GOLEIROS
01-ARANHA
12-BORÉ
22-ITALO
30-IDALERSSON RODRIGUES(DISPENSADO)05 JOGOS
31-RIBAMAR(DISPENSADO)09JOGOS


LATERAIS
02-IVAN
06-RIAN
13-BARATA
15-SAMUEL
23-SORIN

ZAGUEIROS
03-ERIDON
04-GILMAR BAHIA
14-MARCOS GAZOLINA
24-EDUARDO JUNIOR
25-PEDRO
65-MIKE
VOLANTES
05-RAMON
08-TOTONHO
16-LUCIANO
17-DAMINSSON
27-PIO
MEIAS
07-IDELVANDRO
10-CAPELA
18-JUNINHO PIKACHU
19-PÉRICLES

ATACANTES
09-ZE RODRIGUES
11-FABINHO
20-DANIEL
21-RAIFF
28-EWERTON FELIPE(DISPENSADO)06 JOGOS
29-PUXINHA(DISPENSADO)04 JOGOS
 ABNEGADO PROF.PAULO MORONI ACREDITOU ATÉ O FINAL.

BATISTA,SEM COMETARIOS ,NÃO CABEM (ESPAÇO INSUFICIENTE)