=" BLOG DO JONYS: Março 2014

LEIA A BIBLIA SAGRADA

LEIA A BIBLIA SAGRADA
É SALVAÇÃO

segunda-feira, 31 de março de 2014

TERCEIRA RODADA COMEÇA QUARTA DIA 02.04.2014.


SEGUNDO TURNO -TERCEIRA RODADA.
*Em Parnaìba o Parnahyba recebe a agremiação do Cori sabba de Floriano, o Vice- Lider contra o Lanterna, neste jogo um ligeiro favoritismo para o time da casa mais vamos esperar depois dos noventa.
*Na terra dos Carnaubais ,Campo Maior. O Leão local recebe o Leão do Marathoan de Barras , nesta briga de leões ,apesar do time de barras estar lìder da competição,o Caiçara esta com um time mais competitivo que o time do primeiro turno e pode supreender.
*Em piripiri o 4de julho joga contra o River da Capital,os dois times venceram seus jogos na rodada anterior,não tem favorito.
* Na quinta feira complemento da rodada,na capital Teresina jogão entre Flamengo e Piauí, duelo da capital o favorito deste jogo é o time do Piauí atual campeão do primeiro turno e na teoria tem um time melhor que os demais.

RIVER VENCE CAIÇARA E ENTRA G4

Tricolor piauiense não tem muitas dificuldades para derrotar time de Campo Maior no Lindolfo Monteiro. Com três pontos, Galo sobe para terceira posição; Caiçara é sétimo

Por Teresina
Após começar o segundo turno de forma catastrófica e com a demissão de Evair, o River-PI deu o primeiro passo rumo à reabilitação no Campeonato Piauiense. Em um jogo fraco, o Tricolor venceu o Caiçara por 2 a 0 na tarde deste domingo no Estádio Lindolfo Monteiro para um público total de 717 torcedores, sendo apenas 540 pagantes. A renda foi de R$ 5.640,00.
Os gols da partida foram marcados um em cada tempo. Na etapa inicial, o atacante Marclei abriu o placar. Já na última metade da partida foi a vez de Josué, que havia entrado ainda no primeiro tempo no lugar de Marciano, deixar sua marca após pegar rebote de Esquerdinha.
River-PI x Caiçara (Foto: Emanuele Madeira/GLOBOESPORTE.COM)River-PI e Caiçara jogaram para pouco mais de 700 torcedores (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
Com o resultado, o River-PI somou os primeiros três pontos no returno do Campeonato Piauiense e assumiu a terceira posição, atrás de Barras e Parnahyba. Já o Caiçara continua com apenas um ponto, na sétima colocação. Na próxima quarta-feira, o River-PI viaja até Piripiri para enfrentar o 4 de Julho na Arena Ytacoatiara. No mesmo dia, o Caiçara recebe o Barras no Estádio Deusdeth de Melo, em Campo Maior.
Inacreditável Futebol Marclei
Talvez o torcedor riverino esperasse a mesma exibição do time quando enfrentou o Caiçara no primeiro turno. À época, o Galo goleou por 7 a 0. Mas uma olhada na escalação do técnico Péricles Veloso era um prenúncio de que a tarde no Lindolfo Monteiro seria bem diferente: apenas dois jogadores (o lateral esquerdo Ismael e o atacante Flávio) permaneceram entre os titulares do Leão de Campo Maior.
River-PI x Caiçara (Foto: Emanuele Madeira/GLOBOESPORTE.COM)Marclei perdeu gol, mas se redimiu deixando o seu (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
E os primeiros minutos da etapa inicial foram amarrados com um festival de passes errados. Péricles e Lucas Andrade, técnico interino do River-PI, também sofreram com lesões de seus jogadores. Marciano teve que ser substituído por Josué, enquanto Ismael saiu para entrada do volante Alemão.   
Os atacantes do Caiçara pouco produziram, assim como o meia Felipe. Um chute desconcertante de Serginho, aos 21 minutos, e outro do lateral Edson, aos 44 minutos, foi o que de melhor aconteceu do ataque do Caiçara. Do Galo, Alex Santos e Amarildo se destacaram pelos lados do campo.
Esboçando um domínio maior, o River-PI ameaçou mais. Aos seis, Marclei – travado por Roberto – e Thiago Marabá – no rebote – tiveram a primeira chance. Depois disso, o Galo voltou atacar somente aos 23 com uma tabela perfeita entre Alex Santos e Marclei. O lateral deixou o atacante cara a cara com Carlos Henrique, mas o camisa nove tricolor perdeu de forma inacreditável.
Quatro minutos depois veio a redenção de Marclei. Com uma cabeçada certeira no canto esquerdo do goleiro Carlos Henrique, o atacante saiu comemorando: 1 a 0. Além da chuva, uma confusão entre Marclei e Flávio, que continuou na saída para os vestiários, e Alemão e Esquerdinha finalizou o primeiro tempo.
Jogo duro... De assistir 
Tempo frio pela chuva, mas quente dentro de campo. Marcado por confusões, sobrou trabalho (e muito) para o árbitro Afonso Amorim. Esquerdinha, Marclei, Tales, João Neto e Thiago Marabá, do River-PI, e Alemão, Roberto e Flávio, do Caiçara, levaram cartões amarelos. Com faltas fortes – seis em 15 minutos – a partida ficou feia, duro de ver. Sobrou para o zagueiro Sadan o cartão vermelho.
River-PI x Caiçara (Foto: Emanuele Madeira/GLOBOESPORTE.COM)Thiago Marabá foi um dos amarelados em jogo duro no segundo tempo (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
Com um jogador a menos desde os 15 minutos e atrás do placar, o Caiçara se arriscou e foi ao ataque. Mas deixou espaços para o time riverino. Em uma arrancada pelo lado esquerdo, Brasinha encontrou um corredor. O goleiro Carlos Henrique saiu atrapalhado da área e foi driblado pelo atacante, que rolou para Esquerdinha. O chute encontrou a trave, mas caiu nos pés de Josué para ampliar o placar. 
Adotando uma postura defensiva, o Caiçara dava claros sinais que aceitava o placar. Para o River-PI, o 2 a 0 estava de bom tamanho e o time comemorou os três primeiros pontos no returno.
 RIVER 2x0 CAIÇARA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 2ª rodada); Data: 30/03/2014 (domingo à tarde); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (em Teresina); Arbitragem: Afonso Amorim de Sousa, auxiliado por Mauro Cezar Evangelista de Sousa e Antônio Cordeiro.

Renda: R$ 5.690,00 com 540 pagantes.

Gols: Marclei (cabeça) 26 do 1° tempo; Josué 21 do 2°.

Cartões amarelos: Amarildo, Esquerdinha, Marclei, João Neto, Bruno Lopes, Thiago Dias (RIV), Ismael, Flávio, Betinho e Roberto (CAI).

Expulsão: Sadan, aos 12 do 2°, por prática de jogo violento.

River - Ricardo; Alex Santos, Tales, Bruno Lopes e Amarildo; João Neto, Neto, Thiago Marabá (Brasinha) e Esquerdinha; Marclei (Thiago Dias) e Marciano (Josué). Técnico: Lucas Andrade.

Caiçara - Carlos Henrique; Edson (Douglas), Sadan, Roberto e Ismael (Bruno Ernandes); Pereira, Betinho, Wanderson Costa e Felipe (Robson); Flávio e Serginho. Técnico: Péricles Veloso dos Santos.

sábado, 29 de março de 2014

PIAUI NÃO CONSEGUE VENCER O TUBARÃO.

Fabiano abre o placar para o Enxuga Rato no Lindolfo Monteiro, mas equipe sofre
virada ainda no primeiro tempo. Com gol de Fabinho, Piauí consegue empate em casa

Por Teresina
1 comentário
Na reedição da final do primeiro turno do Campeonato Piauiense, Piauí e Parnahyba jogaram para poucos. Ou melhor, menos dEm partida de pouco tempo para comemoração, virada, os dois times empataram em 2 a 2 na noite deste sábado no estádio Lindolfo Monteiro pela segunda rodada do returno do estadual.
A partida deste sábado começou com quase 30 minutos de atraso. Isso porque o time do Piauí precisou trocar o uniforme. Com a bola rolando, Fabiano abriu o placar para os donos da casa. Capela e Fabinho balançaram as redes para o Parnahyba ainda no primeiro tempo. Na etapa complementar, Fabinho garantiu um ponto para o Enxuga Rato.
O empate dentro de casa coloca o Piauí no G4 com dois pontos ganhos. Enquanto isso, o Parnahyba perde a chance de continuar na liderança. Com quatro pontos, o time ver o Barras assumir o topo da tabela e cai para segunda colocação. O time de Fernando Tonet, no entanto, pode perder mais uma posição na tabela caso o Caiçara vença o River-PI na tarde deste domingo no encerramento da segunda rodada.
Parnahyba e Piauí pela segunda rodada do Piauiense 2014 (Foto: Abdias Bideh/GloboEsporte.com)Parnahyba e Piauí se reencontraram na tarde deste sábado (Abdias Bideh/GloboEsporte.com)
Após o emapate deste sábado, os dois times terão pouco tempo para repor as energias. Na quarta-feira (2), o Parnahyba recebe o Cori-Sabbá no Estádio Verdinho, às 20h. Na quinta-feira (3), em Teresina, o Piauí terá pela frente um clássico contra o Flamengo-PI. Os dois jogos são válidos pela terceira rodada do returno. 
Piauí sai na frente; Parnahyba vira
O começo da partida foi bem diferente da final do primeiro turno, quando o Piauí levou mais perigo ao Parnahyba. Marcado por intensa disputa pela posse de bola no meio de campo, o início do jogo não teve nem o campeão do primeiro turno dominando, nem o engasgado Parnahyba. O primeiro lance de perigo veio aos 12 minutos em cobrança de escanteio a favor do Tubarão. Com a bola alçada, o atacante Fabinho, na primeira trave, fez tabelinha de cabeça com Léo Araújo que perdeu dentro da pequena área.
Aos 17 minutos, Fernando Tonet fez a primeira mudança no time. Totonho cedeu lugar para Luciano. A chance de gol, no entanto, veio dez minutos depois da alteração e, mais uma vez, em cobrança de escanteio. A bola atravessou toda a pequena área e Felipe Rafael, na segunda trave, quase consegue tocar para o gol. 
Parnahyba e Piauí pela segunda rodada do Piauiense 2014 (Foto: Abdias Bideh/GloboEsporte.com)Fabiano abre o placar no Lindolfo Monteiro. Piauí não segura Tubarão (Foto: Abdias Bideh/GloboEsporte.com)
Do outro lado, nem Marcos Gasolina nem Binha conseguiam articular jogadas pelo meio e acionar os laterais Jorginho e Natan. O Enxuga Rato parecia esperar um erro da equipe do Parnahyba. E foi o que aconteceu. Em vacilo da defesa do Tubarão, Wesley escorregou e perdeu a bola para o atacante Fabiano, que avançou pela pequena área e deslocou o goleiro Robinho para abrir o placar no Lindolfo Monteiro. 
O Enxuga Rato, no entanto, pouco teve tempo para comemorar. Cinco minutos depois, Capela acertou um belo chute de longe, no ângulo, indefensável para o goleiro Lucas. A jogada nasceu em cobrança de escanteio do Piauí. Após a defesa, Robinho lançou rápido para o contra-ataque parnaibano e Capela, com muito tempo e espaço, parou, olhou e fulminou: 1 a 1. 
Após os gols quase no final do primeiro tempo, as duas equipes se arrojaram mais no ataque e proporcionaram espaços que tornaram o jogo mais interessante, com ataques e contra-ataques velozes. Não era difícil sair mais um golzinho. E, aos 44 minutos, o Parnahyba encaixou bela jogada pela direita. A defesa do Piauí marcou bobeira, e Felipe Rafael matou no peito dentro da área e acertou lindo chute no canto direito do goleiro Lucas. Era a virada azulina: 2 a 1.

PIAUÍ 2x2 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 2ª rodada); Data: 29/03/2014 (sábado á tarde); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina); Arbitragem: Júlio Cesar de Oliveira Gonçalves, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e Hélio Soares Freire.
Renda: R$ 1.205,00 com 86 pagantes (157 não pagantes).
Público total; 243 torcedores.
Gols: Fabiano 33, Capela 38 e Felipe Rafael 45 do 1° tempo; Fabinho (cabeça) 36 do 2°.
Piauí - Lucas; Eridon, Eduardo Junho (Gean Natal) e Rafael Negão; Jorginho, Marcos Gasolina, Vitor Recife (Victor Cearense), Binha e Natan; Raphael Freitas (Fabinho) e Fabiano. Técnico: Paulo Ricardo Moroni.
Parnahyba - Robinho; Barata, Wesley, Leo Araújo e Xavier; Ramón, Idelvando (Bruno Pacatuba), Totonho (Luciano) e Capela; Felipe Rafael e Fabinho (Puxinha). Técnico: Fernando Tonet.

CORI SABBA PERDE DENTRO DE SEUS DOMINIOS PARA 4DE JULHO.

Mais ofensivo que o adversário, Colorado vence com gols de Marzinho e Jader na
noite deste sábado no Estádio Tibério Nunes. Kamar desconta para os donos da casa

Por Teresina

O 4 de Julho reencontrou o caminho da vitória. Depois de um primeiro turno fraco e derrota na estreia do returno, a equipe se encontrou em campo e venceu, na noite deste sábado (29), o Cori-Sabbá por 2 a 1 no Estádio Tibério Nunes, em Floriano. O confronto foi válido pela segunda rodada do returno do Campeonato Piauiense.
Marzinho e Jader marcaram os gols da vitória do Colorado. O resultado, aliás, dá ao time de Piripiri três pontos. O 4 de Julho termina a rodada na quarta colocação. Enquanto isso, o gol de Kamar não foi suficiente para garantir um bom resultado para o Cori-Sabbá dentro de casa. Sem vencer, o time segue na lanterna do returno. 
Os dois times voltam a campo na próxima quarta-feira. O Cori-Sabbá vai ao litoral, onde enfrenta o Parnahyba no Estádio Verdinho. Enquanto isso, o 4 de Julho recebe o River-PI na Arena Ytacoatiara, em Piripiri. As duas partidas são válidas pela terceira rodada do segundo turno do Campeonato Piauiense.
4 de Julho assusta
No primeiro tempo, o Cori-Sabbá não se encontrou em campo. Erros de passes e quase nenhuma jogada de perigo. A primeira delas veio aos 20 minutos com Fagundes, que chutou de fora da área, ameaçando o goleiro do Colorado. 
Do outro lado, o 4 de Julho estava bem diferente daquele visto no primeiro turno do Piauiense. Mais ofensivo e disposto, o time de Luís Miguel parecia estar em casa. E não deu outra. No primeiro vacilo da zaga do Cori-Sabbá Marzinho apareceu para balançar as redes. Após cobrança de escanteio, o goleiro Ari saiu mal e deixou a bola nos pés do atacante, que não perdoou: 1 a 0 para os visitantes. 
Cori empate, mas...
No segundo tempo, o Cori-Sabbá entrou com nova postura em campo. E o gol de empate não demorou a aparecer. Anderson Kamar, em cobrança de escanteio, não desperdiçou e empatou o placar no Estádio Tibério Nunes. 
O gol deu mais ânimo e garra para os donos da casa. Quando o Cori-Sabbá parecia que ia virar, veio Jader aos 23 minutos. O jogador ficou cara a cara com Ari e  marcou o gol que garantiu a vitória do Colorado: 2 a 1. 
Atrás no placar, o Cori-Sabbá ainda lutou até o último minuto, mas não deu.

CORI-SABBÁ 1x2 4 DE JULHO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 2ª rodada); Data: 29/03/2014 (sábado à noite); Local: Estádio Tibério Nunes (Floriano); Arbitragem; Karol Vinícius Mendes Soares Martins, auxiliado por José Nilton da Costa e Izaura de Souosa e Silva.
Renda: R$ 5.095,00 com 320 pagantes.
Gols: Mazinho (cabeça) 20 do 1° tempo; Anderson Kamar (pênalti) 7 e Jader 16 do 2°.
Cartões amarelos: Fagundes, Yan, Fagner (CORI), Mazinho e Juninho Maranhense (4J).
Cori-Sabbá - Fagner; Mangaia, Jó, Leone e Talison (Marcelo Muniz); Yan (Diego), Jackson, Fagundes e Jarlan (Rubinho); Anderson Kamar e Cafezinho. Técnico: Faustivânio Fernandes Venâncio (Vanin).
4 de Julho - Alisson; Wilsinho, Mazinho, Cloelson e Diguinho; Juninho Maranhense, Rone, Keiton (Renatinho) e Jader (Lira); Julinho (Ítalo Picapau) e Pretinho. Técnico: Luis Miguel.

BARRAS 2X0 FLAMENGO NO JUCA FORTES.

Gols de Brow e Júnior Bahia garantem vitória do Leão de Marathaoan no Estádio
Juca Fortes. Líder, Barras volta a campo na próxima quarta (2) contra o Caiçara

Por Direto de Barras
Comente agora
O Barras é, pelo menos por enquanto, o novo líder do segundo turno do Campeonato Piauiense. Na tarde deste sábado (29), a equipe venceu o Flamengo-PI por 2 a 0, no Estádio Juca Fortes, e assumiu o topo da tabela. Para permanecer, no entanto, o Leão de Marathaoan precisa torcer por um tropeço do Parnahyba, que enfrenta o Piauí também neste sábado.
O primeiro gol da vitória do Barras foi marcado Brow ainda no primeiro tempo. No final do jogo, Júnior Bahia ampliou para os dos da casa. Com o resultado, o time de Júlio Araújo vai aos seis pontos. Enquanto isso, o Flamengo-PI continua com os três pontos, deixa a liderança e pode terminar a rodada fora do G4.
Líder, o Barras volta a campo na próxima quarta-feira (2). No Estádio Deusdeth de Melo, em Campo Maior, o Leão de Marathaoan enfrenta o Caiçara a partir das 15h45. Enquanto isso, o Fla-PI corre atrás do prejuízo diante do Piauí. O duelo acontece na quinta-feira (3), às 20h, no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina.
Jogo morno, Barras abre o placar
Barras e Flamengo-PI começaram a partida dando indícios de um jogo de baixo nível técnico. Com muitos passes errados e jogadas encerradas pela metade, o futebol apresentado não empolgava quem foi ao Estádio Juca Fortes. O Barras era quem mais aparecia no campo de ataque, mas nada muito incisivo que chegasse a assustar o adversário.
Barras e Flamengo-PI pela segunda rodada do returno do Piauiense (Foto: Wenner Tito)Brow não perde a oportunidade e marca o gol da vitória do Barras (Foto: Wenner Tito)
Mesmo com o jogo morno, saiu o primeiro gol, e foi para o Leão do Marathaoan. João Paulo avançou pela esquerda e cruzou para área. Brow apareceu acertando um voleio de primeira, na entrada da pequena área, e o goleiro Robson nada pode fazer. As redes balançaram, abrindo o placar no Juca Fortes.
Após o gol sofrido, ao invés de se abalar, o Flamengo-PI cresceu na partida. O rubro-negro passou a ter mais posse de bola e chegar com mais frequência ao campo de ataque. Mas, assim como o Barras no início do jogo, o time da capital não chegava a assustar, pois não tinha eficiência na hora de criar chances claras de gol. A bola só chegava à linha de fundo em um outro chute mais despretensioso.
Mais acuado, o Barras tentava sair em contra-ataque, mas também não tinha muito êxito. O único lance mais perigoso da metade final do primeiro tempo foi uma cabeçada de Tuta, na entrada da pequena área, que passou rente ao travessão do goleiro Ari. Fora isso, poucas emoções, e o Flamengo-PI foi para o intervalo com desvantagem no placar.
Barras e Flamengo-PI pela segunda rodada do returno do Piauiense (Foto: Wenner Tito)Flamengo-PI tenta, mas é Barras quem tem a melhor chance (Foto: Wenner Tito)
Flamengo-PI tenta, mas...
Disposto a ter um time com mais gás e mais poder ofensivo, Valter Maranhão promoveu duas mudanças no Flamengo-PI já no intervalo. O meia Marcinho e o atacante Joniel deram lugar a Jarbas e Rony, que atuam nas mesmas posições, respectivamente. Do lado do Barras, a única alteração foi a de uniforme, já que o listrado deu lugar ao predominantemente branco.
A mudança até trouxe mais gás ao ataque flamenguista, mas a ineficiência continuou a mesma. O rubro-negro tinha mais posse de bola e chegava com mais frequência ao ataque, mas sempre esbarrava na defesa barrense, em passes errados ou conclusões mal finalizadas. Ao Barras, restava tentar os contra ataques. A história do primeiro tempo se repetia.
O lance mais agudo pelo lado do Barras aconteceu aos 12 minutos, quando Emerson apareceu na área para cabecear após cruzamento da esquerda e a bola passou por cima da trave, caindo caprichosamente atrás do gol. Já o Flamengo-PI levou perigo em uma falta cobrada por Sinderval, que passou por todo mundo e obrigou Ari a fazer boa defesa.
Maranhão ainda colocou o recém-contratado Guilherme no lugar de Tuta. Flávio Araújo também renovou seu ataque, com as entradas de Muller, Humberto e Júnior Bahia. Mas nenhum conseguiu fazer nada que mudasse o panorama do jogo.
E, antes do apito final,Emerson roubou a bola no campo de defesa, tabelou com Júnior Bahia, avançou para área e devolveu para o atacante, que não bobeou e garantiu a vitória do Barras, que comemorou a segunda vitória e os 100% de aproveitamento no segundo turno.

BARRAS 2x0 FLAMENGO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 2ª rodada); Data: 29/03/2014 (sábado à tarde); Local: Estádio Juca Fortes (em Barras); Arbitragem: Antônio Santos Nunes, auxiliado por Thyago Cota Leitão e Antônio Sérgio de Sousa Araújo.
Gols: Brown 14 do 1° tempo; Júnior Bahia 44 do 2°.
Cartões amarelos: Brown, Ari, João Paulo, Emerson (BAR), Tuta, Joniel e Célio (FLA).
Barras - Ari; Bengala, Igor Pedra e Osvaldo; Emerson, Leís, Peter, Robertinho (Muller) e Cristiano; João Paulo (Júnior Bahia) e Brown (Humberto). Técnico: Júlio César Araújo.
Flamengo - Robson; Sandro, Laércio, Ítalo e Sinderval; Zuza, Misso, Célio e Marcinho (Jarbas); Tuta (Guilherme) e Joniel (Roni). Técnico: Valter Lima Vieira (Valter Maranhão).

quinta-feira, 27 de março de 2014

SEGUNDA RODADA -RETURNO MAIS QUATRO PARTIDA.


MAIS QUATRO PARTIDAS PELO CAMPEONATO PIAUIENSE.2014 .CONFIRA OS CONFRONTOS.
*PIAUÍ JOGA CONTRA PARNAHYBA NO LINDOLFO MONTEIRO REEDITANDO A FINAL DO PRIMEIRO TURNO E TERCEIRO CONFRONTO ENTRE OS DOIS NESTE CAMPEONATO UMA VITORIA PARA CADA. GRANDE TIRA- TEIMA.
* BARRAS X FLAMENGO JOGO DURO AMBOS VENCERAM SEUS CONFRONTOS NA PRIMEIRA RODADA DO RETURNO.DESTAQUE PARA O BARRAS QUE VENCEU FORA DE CASA.
* CORI SABBA X 4DE JULHO,OS DOIS PERDERAM SEUS PRIMEIROS CONFRONTOS NO RETURNO JOGO DE REABILITAÇÃO PARA AMBOS.
* RIVER X CAIÇARA.,O RIVER VEM CUSPINDO MARIMBONDOS POIS PERDERA PARA O SEU ARQUIRIVAL PARNAHYBA, E VAI QUERER VENCER. A VITIMA É O CAIÇARA, SÓ QUE O LEÃO DA TERRA DOS CARNAUBAIS NÃO ESTA MORTO NÃO E ULTIMAMENTE VEM JOGANDO DE IGUAL PRA IGUAL COM OS DEMAIS.A QUESTÃO É! NESTE JOGO A PRESA PODE VIRAR PREDADOR.

PARNAHYBA VENCE RIVER MAI UMA VEZ.

 PARNAHYBA VENCE RIVER NO VERDINHO POR 2X1 DE VIRADA E RETOMA A CONFIANÇA .
Jogo marcado por muitas confusões  ontem no estádio verdinho em Parnahyba ,O River abriu o placar logo no início do jogo com marciano de cabeça depois ,nesse gol as primeiras reclamações com a arbitragem ,pois os zagueiros do Parnahyba saíram pra cima do juizão alegando irregularidade no ataque.muitas faltas e cartões para ambos os lados. ate que o Treinador Evair do River foi expulso gerando mais reclamações desta feita pelos jogadores do Galo,Evair ao entrar no vestiário agrediu fisicamente o mordomo do time Azulino Rosa dai desencadiou uma confusão terrível na entrada dos vestiarios sendo que a Pm interveu e resolveu o impasse.dai pra frente o Parnahyba foi todo pressão pra cima do River saindo o segundo gol com capela de falta. então começou m festival de agressões Lucas acertou um soco no rosto Totonho ,antes um pouco Gilmar Bahia seria expulso ,entrando  Léo Araujo para compor a Zaga, dai então saiu o empate com Wesley em uma cobrança de escanteio de Capela fez de cabeça. final 2x1. parnahyba marca seus primeiros 3 pontos no returno.
 PARNAHYBA 2x1 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 1ª rodada); Data: 26/03/2014 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Verdinho (em Parnaíba); Arbitragem: Antônio Santos Nunes, auxiliado por Thyago Costa Leitão e José Valmir dos Santos Xavier.

Renda: R$ 6.980,00 com 634 pagantes.

Gols: Marciano (cabeça) 2 e Capela (falta) 41 do 1° tempo; Wesley (cabeça) 38 do 2°.

Cartões amarelos: Wesley, Totonho, Barata, Gilmar Bahia (PAR), Neto, Tales e Lucas (RIV).

Expulsão: Gilmar Bahia, aos 31 do 2°, por jogo violento (segunda advertência).

Parnahyba - Robinho; Barata, Wesley, Gilmar Baiano e Jonys (Xavier); Ramon, Totonho, Idelvando (Leo Araújo) e Capela, Felipe Rafael (Da Silva) e Fabinho. Técnico: Fernando Tonet.

River
- Ricardo; Kássio (Josué), Tales, Bruno Lopes e Lucas (Rhuann); João Neto, Neto, Thiago Marabá (Alex) e Esquerdinha; Marclei e Marciano. Técnico: Evair Aparecido Paulino.
IMAGENS:
RIVER NO CAMPO PARA O COMBATE


A TORCIDA ESPORÃO DO GALO FEZ PRESENÇA NO VERDINHO.

CAPELA E WESLEY OS DOIS HEROIS DA NOITE PARA O TUBARÃO

ENTRADA DO TIME DO RIVER EM CAMPO.


COMEMORAÇÃO DO SEGUNDO GOL DE WESLEY.

CAIÇARA EMPATA COM O CAMPEÃO DO PRIMEIRO TURNO.

Leão pressiona, sai na frente no placar, mas leva empate em cobrança de falta de
Phabollo. Equipes voltam a campo no próximo final de semana pela segunda rodada

Por Diretor de Campo Maior
Na reabertura do Estádio Deusdeth de Melo, o Caiçara por pouco não saiu de campo com uma vitória. Diante de um público de 285 pessoas, pela abertura do segundo turno do Campeonato Piauiense, o time da terra dos carnaubais pressionou o Piauí, campeão do primeiro turno, e tentou até o último minuto. No final, o placar apontava: 1 a 1.
O Caiçara foi o primeiro a abrir o placar com Serginho ainda no primeiro tempo. Na etapa complementar, Phabollo empatou em cobrança de falta.
Depois do empate diante do campeão do primeiro turno, o Caiçara volta a campo no próximo domingo (30), quando enfrenta o River-PI no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina. O estádio também será palco da reedição da decisão da Taça Estado do Piauí. No sábado (29), no Enxuga Rato recebe o Parnahyba pela segunda rodada do returno. Os dois jogos acontecem às 17h.
Caiçara e Piauí pela primeira rodada do segundo turno do Piauiense 2014 (Foto: Josiel Martins)Com time reserva, Enxuga Rato pega pressão do Caiçara no primeiro tempo (Foto: Josiel Martins)
Fôlego de Leão
Quatro jogadores (Pereira, Felipe, Flávio e Júnior) brigando para ganhar bola do lateral Phabollo em uma zona morta do campo do Deusdeth de Melo foi a cena que marcou o primeiro tempo. Brigando em todos os lances, o Caiçara demonstrou uma força que o Enxuga Rato de Moroni não encontrou. Talvez o forte calor em Campo Maior tenha contribuído, mas o que si viu foi um Leão com mais domínio e presença na área do goleiro Joel.
Da equipe campeã do primeiro turno, Moroni não usou ninguém. Raphael Freitas e Fabiano, destaques na conquista, não foram relacionados. De bom do Enxuga Rato na etapa inicial foram as bolas paradas cobradas por Victor Cearense. Nas duas faltas, o goleiro Carlos Henrique defendeu. Muito aquém quando comparado com o desempenho da equipe de Péricles Veloso.
Com duas cabeçadas do goleiro Roberto, finalizações de Jean e Serginho, além das boas descidas do lateral Edson, o Caiçara foi premiado aos 42 minutos. Pegando um rebote pela direita, Flávio mandou para área e Joel deixou passar. De cabeça, sozinho, Serginho teve trabalho de apenas testar para o fundo das redes.
Caiçara e Piauí pela primeira rodada do segundo turno do Piauiense 2014 (Foto: Josiel Martins)Caiçara comemora gol dinate do Enxuga Rato (Foto: Josiel Martins)
Carlos Henrique evita virada
Mais vibrante, o Piauí entrou para o segundo tempo e passou a dificultar as jogadas do Caiçara. E uma falta, aos 14 minutos, empatou a partida. Pela esquerda, a um passo da entrada da área, Phabollo contou com a sorte da barreira abrir – Edson e Roberto depois discutiram a falha – e a bola passou entre a trave e o goleiro. Carlos Henrique, contra o sol, acabou se atrapalhando e viu o lateral comemorar o empate.
Com o empate, Péricles fez as três substituições. Gerlan , Gordo e o estreante Alemão entraram, porém era o time rubro-anil mais perigoso. Nesse momento, a torcida já demostrava impaciência, principalmente com os passes errados do meia Felipe. Um chute de Edson amenizou.
Atuando pela esquerda, Gerlan deu trabalho na marcação e arrancou duas faltas pelo lado. Foram as melhores chances do Leão, que tinha muita pressa, mas pecava na eficiência.Nos acréscimos, o Piauí esperava a oportunidade, que não veio.

 CAIÇARA 1x1 PIAUÍ (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 1ª rodada); Data: 26/03/2014 (quarta-feira à tarde); Local: Estádio Deusdedit de Melo (Campo Maior); Arbitragem; Antônio José Lopes Trindade de Sousa, auxiliado por João Thiago Carvalho Reis e Izaura de Sousa e Silva.

Gols: Serginho (cabeça) 42 do 1° tempo; Pablo (falta) 15 do 2°.

Caiçara - Carlos Henrique; Edson, Sadan, Roberto e Ismael; Pereira, Betinho (Bruno Ernandes), Júnior (Wanderson Costa) e Felipe; Serginho e Flávio (Gerlan). Técnico: Péricles Veloso dos Santos.

Piauí - Joel; Pablo, Thiago Campelo, Rafinha e Victor Cearense; Diego, Binha, Jeová Júnior (Silas) e Gean Natal; Fabinho (Dênis) e Darley (Lucas Marques). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.
IMAGENS




4 DE JULHO PERDE PARA BARRAS DENTRO DE SEUS DOMÍNIOS.

Thiaguinho faz gol no final do primeiro tempo e prevaleceu o Leão do Marathoan

O Barras começou o segundo turno do Campeonato Piauiense  vencendo fora  de casa. Na noite desta quarta-feira, na Arena Ytacoatiara, a equipe venceu o 4 de Julho por 1 a 0 .

O gol que deu a vitória ao Barras foi marcado no final do primeiro tempo. Aos 45 minutos, o lateral esquerdo Thiaguinho balançou as redes do gavião. No segundo tempo fez o famoso "cozinhar o galo" para segurar o placar. resultado final 1x0.


4 DE JULHO 0x1 BARRAS (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 1ª rodada); Data: 26/03/2014 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Ytacoatiara (em Piripiri); Arbitragem: Karol Vinícius Mendes Soares Martins, auxiliado por Edmilson Timóteo da Silva e Francisco Arêa.

Renda: R$ 2.840,00 com 266 pagantes.

Gol: Igor Pedra (cabeça) 42 do 1° tempo.

4 de Julho - Alisson; Wilsinho, Mazinho, Keiton e Renan (Marcos Vinícius); Juninho Maranhense, Rone, Diguinho e Renatinho (Cloelson); Ítalo Picapau (Ramíres) e Pretinho. Técnico: Luis Miguel.

Barras - Ari; Emerson, Bengala, Igor Pedra e Tiaguinho; Osvaldo, Leís, Peter e Robertinho (Muller); Danilo Pitbul (Brown) e Fagner (Júnior Bahia). Técnico: Júlio Cesar Araújo.

FLAMENGO VENCE CORI SABÁ NO LINDOLFO.

Sinderval, Jarbas e Guilherme balançaram as redes do Cori-Sabbá e garantiram vitória
da Raposa, que assume a liderança do segundo turno do Campeonato Piauiense

Por Teresina
Comente agora
O Flamengo-PI começou o segundo turno do Campeonato Piauiense com pé direito. Na noite desta quarta-feira (26), no estádio Lindolfo Monteiro, a equipe bateu o Cori-Sabbá de virada por 3 a 1 e assumiu a liderança do estadual. Sinderval, Jarbas e Guilherme balançaram as redes para os rubro-negros, enquanto Marcelo Muniz descontou para os visitantes.
E, para se reabilitar da derrota desta quarta, o Cori-Sabbá volta para Floriano, onde encara o 4 de Julho no sábado no Estádio Tibério Nunes. Enquanto isso, o Flamengo-PI terá um confronto direto contra o Barras pela liderança do estadual no Estádio Juca Fortes também no sábado. Os dois jogos são válidos pela segunda rodada do returno.
Flamengo-PI x Cori-Sabbá pela primeira rodada do returno do Piauiense 2014 (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)Flamengo-PI tenta abrir o placar diante do Cori (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
Chances perdidas, cobranças perfeitas...
O começo do primeiro tempo foi marcado por maior domínio do Flamengo-PI. Com novo esquema montado pelo técnico Maranhão, o time assumiu uma configuração mais ofensiva, explorando principalmente as jogadas pelos lados. Enquanto Zuza e Ítalo davam apoio a Sandro e Sinderval nas defesas das laterais, os dois, como alas, davam opções de jogadas pelos lados. No dez primeiros minutos, duas jogadas explorando os laterais: primeiro Misso a chegou à linha de fundo com passe de Sinderval; e pelo lado direito Zuza já tinha feito um cruzamento procurando Tuta na área. As duas jogadas, no entanto, não levaram muito perigo ao gol do alvinegro de Floriano.

Ainda no início do primeiro tempo, aos dez minutos, o Flamengo-PI teve oportunidade de marcar com Tuta. Em jogada muito treinada durante a semana, Sandro passou da direita para esquerda para cobrar falta. O lateral direito do rubro-negro alçou a bola na área e o atacante cabeceou pertinho da trave esquerda goleiro de Fagner.

O Flamengo insistiu nas jogadas com os laterais. O Cori-Sabbá se postou melhor, prevenindo mais os cruzamentos do Flamengo-PI, mas não conseguiu armar jogadas que ameaçassem a meta flamenguista. Em uma das poucas oportunidades que teve no primeiro tempo, Kamar e Cafezinho não conseguiram aproveitar contra-ataque.
Aos 30 minutos, a partida modificou. Aos 36 minutos, Kamar lançou Cafezinho pela esquerda, em posição duvidosa. A defesa do Flamengo-PI ameaçou parar, mas seguiu na jogada. O atacante carregou a bola sozinho pela esquerda e chutou forte, por baixo, obrigando o goleiro da Raposa a fazer bela defesa com a perna direita. O Cori-Sabbá começou a gostar do jogo, mas perdeu grande oportunidade de abrir o placar aos 40 minutos em lance de contra-ataque.
Depois de chances desperdiçadas, os gols apareceram. Aos 42 minutos, Marcelo Muniz em cobrança de falta chutou no canto direito de Robson, sem chance de defesa. A comemoração, no entanto, demorou pouco. No lance seguinte, foi a vez de Sinderval cobra falta com perfeição e deixar tudo igual: 1 a 1 no Lindolfinho.
Flamengo-PI x Cori-Sabbá pela primeira rodada do returno do Piauiense 2014 (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)Flamengo-PI x Cori-Sabbá pela primeira rodada do returno do Piauiense 2014 (Foto: Emanuele Madeira/GloboEsporte.com)
Virada rubro-negra
No segundo tempo, o Flamengo-PI estreou mais dois jogadores. Na frente, Maranhão sacou Joniel, que não fez bom primeiro tempo e chamou Roni para compor o ataque com Tuta. Os dois ensaiaram algumas jogadas já no início do segundo tempo com muita movimentação de estreante.

Aos 13 minutos, Maranhão resolveu fazer nova alteração. Saiu meia Marcinho, que também não fez bom primeiro tempo, para a entrada de outro meia, Jarbas. Com as alterações, no entanto, o treinador não modificou a forma do Flamengo-PI jogar. As principais jogadas da Raposa continuaram sendo com os cruzamentos de Sinderval pela esquerda e Sandro pela direita.

Já o Cori-Sabbá, sem alterações no começo do segundo tempo, chegou perto de ficar à frente do placar quando o lateral Jader chutou forte e a bola passou pertinho da meta de Robson, assustando a torcida da Raposa. Em outra jogada perigosa, o ataque do Cori-Sabbá completou para o gol, obrigando a defesa de Robson, mas o auxiliar já marcava impedimento.

A defesa do Cori-Sabbá começou a demonstrar falhas na segunda etapa. Aos 28 minutos, Misso interceptou passe errado da defesa adversária, se aproximou da área, mas chutou para fora, desperdiçando boa jogada, quando Tuta e Roni esperavam passe na área.

Vanin tentou deixar o  Cori-Sabbá mais ofensivo na metade final da segunda etapa com a entrada de  Diego Falcony e Marcinho, que entrou no lugar do autor do gol, Talisson. O time, no entanto, não mudou de postura. Quando o jogo estava morno, mais uma vez apareceu o lateral Sinderval, que alçou bola na área. A defesa do Cori-Sabbá  evitou o gol em cima da linha, mas depois de bate-rebate, Jarbas,que entrou no segundo tempo, completou para o gol

No finalzinho do jogo, o Cori-Sabbá se lançou completamente ao ataque deixando para o Flamengo-PI a possibilidade de explorar o contra-ataque e matar o jogo. Não deu outra. Em jogada rápida, o Flamengo-PI conseguiu fechar o placar em 3 a 1 com outro estreante, Guilherme, após passe de Tuta.
 FLAMENGO 3x1 CORI-SABBÁ (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 1ª rodada); Data: 26/03/2014 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (em Teresina); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Wanderson dos Santos Lima.

Renda: R$ 2.720,00 com 255 pagantes (44 não pagantes). 

Público total: 299 torcedores. 

Gols: Marcelo Muniz (falta) 42 e Sinderval (falta) 44 do 1° tempo; Jarbas 37 e Guilherme 48 do 2°.

Flamengo - Robson; Sandro, Laércio, Ítalo e Sinderval; Zuza, Misso, Célio (Guilherme) e Marcinho (Jarbas); Tuta e Joniel (Roni). Técnico: Valter Lima Vieira (Valter Maranhão). 

Cori-Sabbá - Fágner; Jáder, Ánderson, Leone e Tálisson (Marcinho); Jackson, Yan (Rubinho), Marcelo Muniz e Jarlan (Diego); Anderson Kamar e Cafezinho. Técnico: Faustivânio Fernandes Venâncio (Vanin).

REUNIÃO DA LPD CANCELADA.

A REUNIÃO ANTERIORMENTE MARCADA PARA O DIA 1º DE ABRIL FOI CANCELADA ,SEGUNDO O PRESIDENTE DA LPD PROVAVELMENTE SERÁ REALIZADA NA TEREIRA SEMANA DE ABRIL.

terça-feira, 25 de março de 2014






BRUNO PACATUBA EX GUARANY DE JUAZEIRO.
Com estes reforços o Parnahyba fecha contratações  para o Campeonato Piauiense 2014. o jogador Bruno já esta treinando com o elenco e Romário deve chegar nas pròximas horas no CT do Tubarão que vem mordido de rato para cima do galo nesta quarta feira no verdinho.
ROMARIO EX ATLETA DO BACABAL.
 

RIVER FECHA CONTRATAÇÕES COM LUIS HENRIQUE,RODOLFO E AMARILDO.

- Atualizado em

Galo anuncia Luiz Henrique, do Ceará, e mais dois reforços para temporada

Alvo do clube no primeiro turno, meia deve ser apresentado esta semana. Junto com Luiz Henrique, diretoria anuncia Rodolfo, do Ypiranga-PE, e Amarildo, do Nova Iguaçu

Por Teresina
Comente agora
Luiz Henrique é dúvida para o jogo contra o Bahia (Foto: Divulgação / CearaSC.com)Luiz Henrique acerta com o River-PI para returno do Piauiense (Foto: Divulgação / CearaSC.com)
No último dia de janela de contratações para o returno do Campeonato Piauiense, o River-PI acertou com três reforços. Alvo da diretoria desde o início da temporada, o meia Luiz Henrique foi liberado pelo Ceará e retorna ao Piauí vestindo a camisa do Galo.  Além do jogador do Vozão, a diretoria riverina anunciou também a contratação do atacante Rodolfo e do lateral esquerdo Amarildo.
Com 21 anos, Luiz Henrique é conhecido dos torcedores piauienses, principal do Flamengo-PI, arquirrival do Galo. Em 2012, o meia vestiu as cores rubro-negras foi vice-campeão estadual. No começo deste ano, a diretoria do Galo tentou um acerto com o Ceará, dono do passe do atleta, mas não obteve êxito. 
- Foi empréstimo até o final do estadual. Se conseguirmos êxito e fomos para Série D, vamos tentar renovar para que ele fique com a gente até o fim do ano – afirma o presidente do River-PI, Elizeu Aguiar. 
Outro reforço do Galo é o atacante Rodolfo, que estava no Ypiranga-PE e balançou as redes adversárias oito vezes este ano. No último final de semana, aliás, a equipe deu adeus ao Campeonato Pernambucano após derrota para o Serra Talhada pela última rodada do Hexagonal da Permanência. O jogador chega para preencher uma carência no setor ofensivo do tricolor. 
Fechando a lista de contratações, a diretoria anunciou também o lateral esquerdo Amarildo. O concorrente de Rian no setor estava no Novo Iguaçu, onde disputava o Campeonato Carioca. No último sábado, o jogador foi titular no empate contra o Botafogo. 
Contratados nesta terça-feira, os três atletas não chegam ao River-PI a tempo para abertura do segundo turno do Campeonato Piauiense. Sem eles, o técnico Evair terá mais um teste na quarta, quando encara o Parnahyba no Estádio Verdinho.

4 DE JULHO FECHA COM JONIEL E RANIELSON

Clube finaliza temporada de contratações com atacante e zagueiro Joniel. Dois reforços são apostas do clube para sequência. Time enfrenta Barras nesta quarta

Por Teresina
Comente agora
Ranielson Cori-Sabbá (Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)Ranielson acerta ida para Piripiri
(Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)
Aos 45 minutos do segundo tempo, o 4 de Julho fechou o elenco para o returno do Campeonato Piauiense. O clube correu para aproveitar os últimos momentos da janela de negociações de jogadores e apresentou, além do técnico Luis Miguel, mais dois reforços no final da tarde desta terça. Agora, o treinador vai contar também com o zagueiro Joniel e com o atacante Ranielson. Ambos são conhecidos das torcida colorada, mas estavam sem clube. O dirigente Ludjalma Sousa afirmou que o time apostou nos atletas da casa porque estes conhecem melhor o futebol local e não tem problemas com adaptação.  
- Os jogadores conhecem os campos, o clima. Se você vai jogar em Piripiri o campo é fofo. Se for jogar em Parnahyba o campo já é duro. Quem já conhece, se adapta ligeiro porque já sabe como é o campo de jogo - comentou Ludjalma Sousa.
Os reforços Mazinho, Alisson, Rony e Juninho Maranhense foram anunciados na segunda. Os dirigentes do Colorado concluíram que era melhor apostar em atletas da região, ao invés de só procurar jogadores em outros gramados. O exemplo veio com o desempenho dos times rivais no primeiro turno. 
- Procuramos trabalhar com a turma daqui porque vimos que o River-PI rasgou dinheiro e não conseguiu fazer uma boa campanha no primeiro turno. O Parnahyba foi bicampeão com a mesma base. No Piauí, quem mais se destacou foram atletas que já estão ambientados. O Moroni, por exemplo, trabalha mais com atletas da casa – argumentou o mandatário.   
Ludjalma espera contar com o apoio da torcida colorada no segundo turno do Piauiense, mas ainda está cético com relação ao crescimento de público no jogo desta quarta-feira, às 19 horas, contra o Barras, pela primeira rodada do segundo turno do Campeonato Piauiense na Arena Ytacoatiara. 
- A torcida está com a expectativa muito boa para o segundo turno com a chegada de seis reforços e um treinador. Mas sabemos que para chamar a torcida para o estádio precisamos de vitórias. Acredito que um bom resultado possa trazer de novo o torcedor para o nosso lado – disse o dirigente.

FLAMENGO CONTRATA RONIGOL

RONI ESTA DE VOLTA AO FALMENGO

Ronigol: o artilheiro está voltando.
Atualizada às 18h16

O nome do atacante Roni acaba de ser inserido no Boletim Informativo Diário (BID-e) da CBF, como reforço do Flamengo para o restante do Campeonato Piauiense. O desembarque do atacante em Teresina está previsto para a manhã desta quarta-feira (26).

Atualizada às 17h54

O nome de José Ronaldo Pereira da Silva inserido no Boletim Informativo Diário (BID-e) da CBF por todo o dia de hoje. É tudo que a diretoria do Flamengo está esperando para que possa confirmar, oficialmente, o retorno de Roni, o Ronigol, atacante que fez história com a camisa rubro-negra na gestão Everaldo Cunha.
As negociações entre Roni e o Flamengo já foram encerradas, com final feliz. Assim mesmo, seu retorno ao Rubro-Negro depende de sua presença no BID, para que possa jogar o restante do Campeonato Piauiense. "Entre o Flamengo e Roni está tudo certo" - garante o diretor Raimundo Filho, que tomou a frente das negociações. 
Com 30 anos incompletos (Altos - PI, 14/04/1984), Roni viveu dias inesquecíveis com a camisa do Flamengo. Um deles foi o 15 de novembro de 2008, no Lindolfo Monteiro, quando marcou quatro vezes na goleada de 5 a 2 que o Flamengo impôs ao seu mais tradicional adversário. 
Com o prazo de inscrições para o Piauiense 2014 encerrando hoje, todos os times correm contra o relógio. E o Flamengo é um deles, principalmente no que diz respeito a Roni, considerado um reforço de peso para a retomada do time na competição. "Resta agora esperar. E torcer para dar tudo certo. O Roni será um grande reforço", finalizou o dirigente rubro-negro.
A LIGA PARNAIBANA DE DESPOSTOS CONVOCA NA PESSOA DE SEU PRESIDENTE ,CARLOS ANTONIO ,REUNIÃO PARA TODOS DIRIGENTES DE CLUBES FILIADOS A MENTORA, E QUE DESEJAM PARTICIPAR DAS COMPETIÇÕES DO CALENDÁRIO ANO 2014  DA ENTIDADE.




RODADA DO CAMPEONATO PIAUIENSE 2º TURNO










Tudo zerado começa o segundo turno para os clubes Piauienses que disputam o título da temporada.2014










em Teresina o Flamengo da capital recebe o Time do Cori sabba de Floriano. em Parnaíba no litoral o Parnahyba recebe o River da capital.em Piripiri o time do 4de Julho recebe o Time do Barras e em Campo maior reabrindo o Estádio Deusdeth de  Melo o Caiçara recebe o Campeão do primeiro turno o Piaui.



















segunda-feira, 24 de março de 2014

FLAMENGO FAZ CONTRATAÇÕES.

Jogadores chegam do Bacabal, rebaixado no Campeonato Maranhense, e já treinam com grupo. Em março, Raposa faz seis contratações, mas perde Augusto e Márcio

Por Teresina
Comente agora
Cleriston chega depois da saída do zagueiro Márcio (Foto: Marco Freitas)Cleriston chega depois da saída do zagueiro Márcio (Foto: Marco Freitas)
Não param de chegar reforços no Rubro-Negro, que foi às compras ou empréstimos e trouxe mais três jogadores para o returno do Campeonato Piauiense. Ao todo, foram seis contratações apenas em março. Nesta segunda-feira, os novos atletas, que disputaram o Campeonato Maranhense de 2014 pelo Bacabal se juntaram ao grupo. São eles: os atacantes Guilherme e Wanderson e o zagueiro Cleriston. Por enquanto, Valter Maranhão segue firme no comando do time.
Cleriston chega para o lugar de Márcio, que tinha vindo como reforço do futebol cearense, mas não chegou a completar sequer um mês na Raposa. O atleta não aceitou o corte de 30% no salário após a eliminação na semifinal do turno e deixou o clube. O novo zagueiro é sergipano, tem 29 anos e já passou por várias equipes nordestinas. Ele procura esquecer a má campanha do Bacabal, que foi rebaixado no Campeonato Maranhense deste ano, e busca foco na Raposa.
- Estamos com uma equipe bem montada. Vamos procurar responder bem aos pedidos do treinador. Nosso pensamento é conseguir títulos no Flamengo-PI e esquecer a campanha que passou, que não foi muito boa pra nós – destacou o zagueiro.  
Os dois atacantes também preenchem carências com a saída de jogadores. Eles foram testados nesta segunda no time reserva e são opções de velocidade na frente, já que o Flamengo-PI não conta mais com o atacante Augusto, que foi para o Corinthians-AL. Guilherme, de 25 anos, que foi revelado no Sport e tem passagens pelo Icasa e pelo Huracán, da Argentina, chegou confiante na busca de bom entrosamento com o grupo.  
- Já joguei com alguns jogadores do Flamengo-PI e acho que não terei problemas de entrosamento com a equipe. O time vem motivado e foi bom chegar aqui e ver que o grupo é tranquilo e unido. Com velocidade e habilidade, esperamos poder ajudar o Flamengo-PI a conquistar o título do Piauiense – disse o atacante, que mostrou velocidade, mas fez um treino discreto.  
Novo contratado para o ataque, Guilherme é opção de velocidade (Foto: Marco Freitas)Novo contratado para o ataque, Guilherme (de colete) é opção de velocidade (Foto: Marco Freitas)


O outro atacante que chega do Bacabal, Wanderson, de 21 anos, já vestiu também as camisas de Viana e Araioses, no Maranhão, e União Rondonópolis, do Mato Grosso. O jogador ressaltou a oportunidade de trabalhar com um atacante experiente como Tuta.  
- O Tuta é um jogador que já tem uma grande história. Sempre procuramos absorver experiência com profissionais que têm maior quilometragem pra melhorar ainda mais. Preciso apenas ter mais um tempo de entrosamento com a equipe, que já vem treinando junta há algum tempo.  
Apesar da vontade de jogar demostrada no treinamento desta segunda, os atletas ainda não sabem se vão poder ser relacionados para a primeira partida do returno do Piauiense contra o Cori-Sabbá nesta quarta-feira, às 20 horas, no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina, pois dependem da documentação regularizada.

PARABENS AO TIME DO SEP PELA CAMPANHA NA COPA DO BRASIL.


PRIMEIRO TIME PIAUIENSE A CHEGAR NAS SEMI FINAIS COPA COPA DO BRASIL

 PARABENS SEP PELA BELA CAMPANHA.

Gols de Raquel e Marina garantem segunda vitória diante das piauienses e vaga
na final da Copa do Brasil de Futebol Feminina. Ferroviária enfrenta o São José

Por Teresina
As meninas da Ferroviária garantiram, na tarde deste domingo (23), a vaga para decisão da Copa do Brasil de Futebol Feminino. A conquista veio após vitória por 3 a 0 diante do Picos no Estádio Fonte Luminosa, em Araraquara, São Paulo.
No primeiro tempo, domínio da equipe piauiense. Nos primeiros 45 minutos, o Picos teve cinco chances claras de gol, mas não aproveitou. Do outro lado, a Ferroviária apostava no contra-ataque, mas sem sucesso. Resultado: 0 a 0. 
Na volta do intervalo, as donas da casa mostraram a superioridade e marcaram os gols que asseguraram a classificação. Raquel, duas vezes, e Marina confirmaram a classificação da Ferroviária para a decisão da Copa do Brasil. Na primeira partida entre as duas equipes, disputada na última quarta-feira, a equipe de Araraquara venceu por 2 a 0.
Agora, o Ferroviária decide o título com o São José, que empatou com o Vitória-PE na tarde deste domingo. O campeão da Copa do Brasil garante vaga na Taça Libertadores Feminina.

VOLANTE ZUZA JÁ TREINA NO FLAMENGO PARA O SEGUNDO TURNO.

O volante chegou a atuar nas duas laterais para suprir a carência no setor. Ainda em tratamento, ele segue confiante no retorno nesse rodada: 'Quero pelo menos o banco'

Por Teresina
Comente agora
Zuza, volante do Flamengo-PI (Foto: Abdias Bideh/GloboEsporte.com)Zuza, volante do Flamengo-PI (Foto: Abdias Bideh/GloboEsporte.com)
Zuza está de volta. Depois de ficar de “molho” por quase 20 dias em decorrência de uma lesão do joelho direito, o volante treina normalmente e deve ser opção no banco de reservas do Flamengo-PI na abertura segundo turno do Campeonato Piauiense diante do Cori-Sabbá. Utilizado como lateral no início do torneio, o jogador ficou fora da reta final do primeiro turno e viu, das arquibancadas, o rubro-negro ser eliminado nas semifinais.  
Livre do incômodo e disposto a ajudar o Flamengo-PI na conquista do returno, Zuza terá concorrência pesada no retorno à equipe. Com a contratação de novos laterais e a firmação de Célio e Misso, o volante precisará batalhar muito por uma vaga no time de Valter Maranhão, mas vê concorrência sadia e benéfica ao clube.  
- Para gente, é sempre complicado voltar de lesão. Além da volta sem ritmo, normalmente perdemos espaço na equipe. Eu vou lutar ao máximo para recuperar o meu. A concorrência é boa para o treinador e para o time, porque acirra a disputa. Chegaram grandes jogadores e o pensamento deve ser conquistar esse turno – afirmou o jogador.  
Mesmo não sentindo mais dores, Zuza segue realizando sessões de fisioterapia três vezes por semana. O jogador disse que ainda não está em plena forma, mas acredita estar à disposição do time contra o Cori.  
- Estou me sentindo bem e confiante, mas ainda não me sinto 100%. Venho intensificando a parte física com o professor Marcos Paulo para garantir uma vaga pelo menos no banco na próxima partida. O mais importante é que estou de volta e agora é trabalhar e ter paciência – comentou o volante.  
Zuza participou do segundo tempo do jogo treino do Flamengo-PI neste domingo (23), quando o time rubro negro venceu uma equipe amadora da capital por 8 a 2. Pelo estadual, a Raposa recebe o Cori-Sabbá na próxima quarta-feira (26), às 20h, no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina

BARRAS PRONTO PARA O SEGUNDO TURNO.

Júnior Bahia estava no Juazeiro-BA, chegou nesse domingo (23) e já treina com o resto do elenco. Diretoria espera fazer melhor campanha com reformulação no elenco.

ATACANTE JUNIOR JUAZEIRO

 

Por Teresina
O Barras anunciou a sua última contratação para o segundo turno do Campeonato Piauiense. O clube trouxe o atacante Júnior Bahia, que estava no Juazeiro, e já treina com o resto do elenco nesta segunda-feira (24). Com ele, já são três os atacantes contratados para o returno do estadual.
Barras no Campeonato Piauiense 2014 (Foto: Wenner Titto)Elenco do Barras sofreu reformulação para tentar fazer melhor campanha no segundo turno (Foto: Wenner Tito)
Depois de anunciar a dispensa de dois jogadores e a chegada de mais três na semana passada, a diretoria do Leão de Marathoan confirmou a contratação de mais um atacante. Júnior Bahia estava no Juazeiro-BA, onde disputou o Campeonato Baiano e a Copa do Brasil. O time foi rebaixado no estadual e eliminado na primeira partida pela competição nacional, e o jogador não marcou nenhum gol.
 Júnior Bahia faz parte da reformulação que a diretoria do clube propôs ao elenco, principalmente no setor ofensivo. Dois jogadores foram dispensados, e um meia e três atacantes chegaram para reforçar a equipe. A expectativa é que a equipe vá mais longe do que no primeiro turno, quando foi eliminada na semifinal.
- Nosso problema era o ataque, e agora trouxemos três atacantes. Não é possível que agora não dê certo – afirma o presidente do clube, Laércio Vinícius.
O Barras estreia no segundo turno do Campeonato Piauiense na próxima quarta-feira (26). A equipe irá viajar até Piripiri onde enfrenta o 4 de Julho na Arena Ytacoatiara, às 19h.

RESUMO DO BUIM,PRIMEIRO TURNO.

Raio-x: público supera o do 1° turno do ano passado

No 31° e último jogo do 1° turno, o Piauí de Silas ganhou o título sobre o parnahyba de Totonho.
Encerrada a Taça Estado do Piauí, correspondente ao 1° turno do Campeonato Piauiense da 1ª Divisão de Profissionais, mais uma vez ficou constatado o crescimento, embora gradativo, da média de público pagante da competição, tendo por parâmetro o certame da temporada passada. Desta vez, os números se referem aos dois turnos iniciais.

No ano passado, o 1° turno correspondeu aos 28 jogos de ida da Fase Classificatória, onde foi registrado o total de 22.321 pagantes em 28 jogos, resultando na média de 797 por partida. Em 2014, o primeiro turno foi finalizado com 27.440 pagantes em 31 jogos, correspondendo a uma média de 885 por partida.

Foram marcados 95 gols, com a média por jogo de 3,06. Depois da vitória sobre o Parnahyba, o Piauí agora é possuidor do ataque mais eficiente, com 19 gols. Mas a melhor defesa, com 6 gols sofridos, continua com o River, que também permanece com o goleador máximo do campeonato - Marciano. Confira, abaixo, os números finais do 1° turno. 

CLASSIFICAÇÃO GERAL

1° Piauí, 17 pontos, 5 vitórias e 7 gols de saldo
2° Parnahyba, 14 pontos, 4 vitórias e 2 gols de saldo
3° Barras, 12 pontos, 3 vitórias e 3 gols de saldo
4° Flamengo, 12 pontos, 3 vitórias e saldo 0
5° River, 11 pontos, 2 vitórias e 10 gols de saldo
6° Cori-Sabbá, 10 pontos, 3 vitórias e saldo 0
7° 4 de Julho, 4 pontos, 1 vitória e saldo -10
8° Caiçara, 4 pontos, 1 vitória e saldo -12

MÉDIA DE PÚBLICO PAGANTE EM TODOS OS JOGOS DE CADA EQUIPE

1° River, 1.455 pagantes (10.186 em 7 jogos)
2° Parnahyba, 1.175 pagantes (10.577 em 9 jogos)
3° Flamengo, 1.138 pagantes (9.106 em 8 jogos)
4° Piauí, 883 pagantes (7.954 em 9 jogos)
5° Barras, 757 pagantes (6.059 em 8 jogos)
6° Cori-Sabbá, 654 pagantes (4.580 em 7 jogos)
7° 4 de Julho, 390 pagantes (2.733 em 7 jogos)
8° Caiçara, 154 pagantes (1.081 em 7 jogos)

MÉDIA DE PÚBLICO PAGANTE NOS JOGOS COMO MANDANTE

1° Flamengo, 1.736 pagantes (6.945 em 4 jogos)
2° Parnahyba, 1.487 pagantes (5.949 em 4 jogos)
3° River, 1.326 pagantes (5.306 em 4 jogos)
4° Cori-Sabbá, 1.089 pagantes (3.087 em 3 jogos)
5° Piauí, 578 pagantes (1.735 em 3 jogos)
6° Barras, 489 pagantes (1.958 em 4 jogos)
7° 4 de Julho, 169 pagantes (678 em 4 jogos)
8° Caiçara, 82 pagantes (331 em 4 jogos)

PÚBLICO PAGANTE POR CIDADES (MÉDIA P/ JOGO)

1° Parnaíba, 1.487 pagantes (5.949 em 4 jogos)
2° Teresina, 1.285 pagantes (15.430 em 12 jogos)
3° Floriano, 1.089 pagantes (3.087 em 3 jogos)
4° Barras, 307 pagantes (2.150 em 7 jogos)
5° Piripiri, 164 pagantes (824 em 5 jogos)

ARTILHEIROS

8 gols - Marciano (River).

6 gols - Fabiano (Piauí).

5 gols - Anderson Kamar (Cori-Sabbá).

4 gols - Puxinha (Parnahyba) e Raphael Freitas (Piauí).

3 gols - João Paulo, Osvaldo (Barras), Tuta e Joniel (Flamengo).

2 gols - Marcos Vinícius (4 de Julho), Emerson (Barras), Roberto (Caiçara), Jader (Cori-Sabbá), Laércio, Marcinho (Flamengo), Felipe Rafael, Fabinho (Parnahyba), Jorginho (Piauí) e Marclei (River).

1 gol - Gugu, Jader, Renatinho, Pretinho (4 de Julho), Leís, Tadeu, Igor Pedra, Danilo Pitbul (Barras), Jeferson Pipoca, Gerlan, Flávio, Wanderson Costa, Douglas (Caiçara), Cafezinho, Rubinho, Marcinho (Cori-Sabbá), Augusto, Alex (Flamengo), Da Silva, Luciano, Leo Araújo (Parnahyba), Lucas Marques, Darley, Vitor Recife, Eridon, Marcos Gasolina, Dênis, Fabinho (Piauí), Gabriel, Thiago Marabá, Thiago Dias, Igor, Danilo Goiano e Brasinha (River).

GOLS CONTRA

1 gol - Juninho (4 de Julho, a favor do Parnahyba) e Jó (Cori-Sabbá, a favor do 4 de Julho).

GOLEIROS COM MELHOR APROVEITAMENTO (MÉDIA DE GOLS POR PARTIDA)

0,85 - Everson (River) - 6 gols em 7 jogos.
1,11 - Robinho (Parnahyba) - 10 gols em 9 jogos
1,12 - Ari (Barras) - 9 gols em 8 jogos.
1,33 - Lucas (Piauí) - 12 gols em 9 jogos
1,42 - Fagner (Cori-Sabbá), 10 gols em 7 jogos
1,50 - Robson (Flamengo) - 12 gols em 8 jogos
2 gols por jogo - Yuri (Caiçara) - 8 gols em 4 jogos.
2,42 - Zé Filho (4 de Julho) - 17 gols em 7 jogos
3,66 - Anderson (Caiçara) - 11 gols em 3 jogos.

ESTÁDIOS UTILIZADOS

12 jogos - Lindolfo Monteiro (Teresina).
7 jogos - Juca Fortes (Barras).
5 jogos - Ytacoatiara (Piripiri).
4 jogos - Verdinho (Parnaíba).
3 jogos - Tibério Nunes (Floriano).

ARBITRAGENS

7 jogos - Antônio Dib Moraes de Sousa.
6 jogos - Leonardo Marques Fortes.
5 jogos - Afonso Amorim de Sousa.
3 jogos - Antônio Santos Nunes, Júlio Cesar de Oliveira Gonçalves e Karol Vinicius Mendes Soares Martins.
2 jogos - Antônio José Lopes Trindade de Sousa e Rogério de Oliveira Braga.

ATAQUES

19 gols - Piauí.
16 gols - River.
12 gols - Barras, Flamengo e Parnahyba.
10 gols - Cori-Sabbá.
7 gols - 4 de Julho e Caiçara.

DEFESAS

6 gols - River.
9 gols - Barras.
10 gols - Cori-Sabbá e Parnahyba.
12 gols - Flamengo e Piauí.
17 gols - 4 de Julho.
19 gols - Caiçara.

ATLETAS EXPULSOS

2 jogos - Marcos Gasolina (Piauí).
1 jogo - Anderson (4 de Julho), Pereira (Caiçara), Fagundes, Leone (Cori-Sabbá), Alessandro, Fabinho, Ramón (Parnahyba) e Adrianinho (Piauí).

MAIORES GOLEADAS

Caiçara 0x7 River, em 02/02/2014, no Estádio Ytacoatiara, em Piripiri.
River 4x1 4 de Julho, em 10/02/2014, no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina. 

MARCAS HISTÓRICAS

1º gol - Augusto (Flamengo), no jogo Cori-Sabbá 0x2 Flamengo, em 25/01/2014.
50° gol - Cafezinho (Cori-Sabbá), no jogo River 1x1 Cori-Sabbá, em 23/02/2014. 

GOLS MAIS RÁPIDOS

4 minutos - Osvaldo (Barras), no jogo Parnahyba 1x1 Barras, em 16/02/2014.
6 minutos - Darley (Piauí), no jogo Piauí 2x0 Flamengo, em 09/02/2014.
8 minutos - Raphael Freitas (Piauí), no jogo Piauí 3x2 Cori-Sabbá, em 08/03/2014.

TÉCNICOS QUE MAIS VENCERAM

5 jogos - Paulo Moroni (Piauí).
3 jogos - Júlio Cesar Araújo (Barras), Vanin (Cori-Sabbá) e Fernando Tonet (Parnahyba).
2 jogos - Daniel Frasson (Flamengo) e Evair Paulino (River).
1 jogo - Maurício Reis (4 de Julho), Henrique Catita (Caiçara), Denis Borges (Flamengo) e Jorge Pinheiro (Parnahyba).

TÉCNICOS QUE MAIS PERDERAM

3 jogos - Jasiel Lira (4 de Julho), Henrique Catita (Caiçara) e Vanin (Cori-Sabbá).
2 jogo - Júlio Araújo (Barras), Maurício Reis (4 de Julho), Jorge Pinheiro (Parnahyba) e Paulo Moroni (Piauí).
1 jogo - Cristiano Carvalho, Péricles Veloso (Caiçara), Fernando Tonet (Parnahyba), Denis Borges e Daniel Frasson (Flamengo).

sábado, 22 de março de 2014

PARNAHYBA DECEPCIONA E PERDE TÍTULO DO PRIMEIRO TURNO PARA O PIAUÍ

PIAUI É CAMPEÃO DO PRIMEIRO TURNO EM PARNAÍBA.
A decisão do primeiro turno do Campeonato piauiense foi dinâmica ,primeiro a competência do treinador Paulo Moroni que colocou uma formação para parar o time do Parnahyba que mais uma vez não tinha criatividade e errava muitos passes no meio campo,  o time da Azulino não conseguiu jogar quando chegava com perigo era com os zagueiros de cabeça em bola parada,o ataque do time do parnahyba apático e sem mobilidade,aqui acolá um chute errado de Fabinho e Felipe, enquanto que o Piauí toda tomada de bola no erro azulino levava perigo até fazer 3 gols que ate foi pouco pelo que criou,competência de um lado apatia e erro de passes do outro, este foi o resumo do jogo. RESULATADO 3X0.
PIAUÍ GANHOU A PARTIDA INCONTESTÁVEL, MUITA COMPETÊNCIA NA PARTIDA RESULTOU OS TRÊS GOLS.
PARNAHYBA ENTROU NO JOGO COM 3 VOLANTES DE MARCAÇÃO E AINDA SOFREU 3 GOLS.
PARNAHYBA 0x3 PIAUÍ (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1º Turno - Taça Estado do Piauí - Decisão - Jogo único); Data: 22/03/2014 (sábado à tarde); Local: Estádio Verdinho (em Parnaíba); Arbitragem: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por Mauro Cezar Evangelista e Sousa e Hélio Soares Freire.

Renda: R$ 47.915,00 com 3.594 pagantes (565 não pagantes).

Público total: 4.159 torcedores.

Gols: Fabiano (cabeça) 15 do 1º tempo; Fabiano 10 e Fabinho  17 do 2º.

Parnahnyba - Robinho; Barata (Ivan), Wesley, Gilmar Bahia e Xavier; Alessandro, Totonho (Puxinha), Luciano e Capela; Felipe Rafael(Da silva) e Fabinho. Técnico: Fernando Tonet.

Piauí - Lucas; Eridon, Eduardo Junho e Rafael Negão; Jorginho (Pablo), Vitor Recife, Marcos Gasolina, Silas (Binha) e Natan; Raphael Freitas e Fabiano (Fabinho). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.  
Imagens da Partida
reporteres esportivo feminino ,inusitado.muito bom.

Gilmar bahia perde o que seria o gol do empate ainda no primeiro tempo.

Fabiano consegue fazer dois gols e calar a grande torcida Parnaibana