=" BLOG DO JONYS: Abril 2013

LEIA A BIBLIA SAGRADA

LEIA A BIBLIA SAGRADA
É SALVAÇÃO

terça-feira, 30 de abril de 2013

RIVER A UM EMPATE DA DECISÃO

River derrota Piauí e fica a um empate da decisão

Lucas não consegue defender a cobrança de Anderson Kamar e o River abre a contagem no LM.
Ao vencer o Piauí na noite desta segunda-feira (29), em jogo disputado no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina, com boa presença de público, o River precisa apenas de um empate, na segunda partida, para ser finalista do Campeonato Piauiense depois de cinco anos sem marcar presença nas decisões dos Estaduais. A vitória de 2 a 1, porém, esteve por um fio, com o time do Piaui chegando a desperdiçar uma penalidade máxima.

Superior no setor de meio de campo, o River passou a ter domínio das ações desde os primeiros minutos. O Piauí buscava alternativas para equilibrar as ações e tentar reverter a vantagem do adversário para o segundo jogo, todavia, a superioridade tricolor logo foi refletida no placar, quando Anderson Kamar converteu uma penalidade máxima cometida sobre ele pelo zagueiro Rafael Negão.

Após cobrança de escanteio, Rafael Negão (3) e Aderaldo (3) saltam, mas é Robinho quem alivia o perigo.
Na fase complementar, embora tenha levado o segundo gol aos 13 minutos, numa boa jogada em que Maranhão foi servido por Célio e chutou na saída de Lucas, o Piauí melhorouo e equilibrou o jogo, chegando a ser melhor que o adversário em algumas situações. Criou várias oportunidades até que, aos 37 minutos, Lucas Sousa foi derrubado na área por Leo Santos. Era a chance para o Piauí iniciar a sua reação.

Aos 38 minutos, a cobrança de Boiadeiro. O atacante chutou no canto direito de Robinho, que buscou o lado oposto. Mas o excesso de capricho de Boiadeiro, para colocar a bola no canto, terminou levando a pelota a sair rente o poste, para alegria da torcida tricolor. Como estava melhor no jogo, o time rubroanil logo criou outra grande oportunidade.

Boiadeiro cobra o pênalti em favor do Piauí. A bola vai sair à direita de Robinho, que esboça movimento para o lado esquerdo.
Na trama que chegou até a área tricolor, a bola sobrou para o chute forte e colocado de Fabiano, não dando nenhuma chance a Robinho. Estava reduzida a diferença. Mas o empate não veio e a totrica tricolor deixou o LM satisfeita com a vitória. Agora, no domingo, o River precisa apenas do emapte nos 90 minutos para tornar-se finalista do Campeonato Piauiense, fato que não aconteceu nos cinco últimos campeonatos.

Ao Piauí, a única alternativa será vencer o River duas vezes: nos 90 minutos e na prorrogação. Tarefa difícil, mas não impossível para um time que mostrou muita garra e que valorizou bastante a vitória riverina. Ao nosso ver, o trabalho do árbitro Afonso Amorim foi bom. Os dois pênaltis existiram e nenhum lance que pudesse influir no resultado teve erro da arbitragem.

Um dos destaques da vitória tricolor, o volante Célio sinaliza como foi a sua atuação.
FICHA TÉCNICA

PIAUÍ 1x2 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - Fase Semifinal - 1° jogo); Data: 29/04/2013 (segunda-feira à noite); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina); Arbitragem: Afonso Amorim de Sousa, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e João Thiago Carvalho Reis.

Renda: R$ 15.785,00 com 1.410 pagantes (215 não pagantes).

Público total: 1.625 torcedores.

Gols:  Anderson Kamar (pênalti) 27 do 1° tempo; Maranhão 13 e Fabiano 41 do 2°.

Cartões amarelos: Diego, Rafael Negão, Darley, Neto Carioca (PIA), Célio, Neto, Thiago Marabá e Leo Santos (RIV).

Obs.: Boiadeiro perdeu uma penalidade máxima, aos 38 do 2°, chutando para fora.

Piauí - Lucas; Pablo, Rafael Negão, Neto Carioca e Aílson (Lucas Sousa); Diego, Binha, Jeová Júnior (Maninho, depois Nathan) e Darley; Fabiano e Boiadeiro. Técnico: Fernando Tonet.

River - Robinho; Tote, Aderaldo, Jó e Zé Rodolpho; Célio (Leo Santos), Neto, Jeferson e Thiago Marabá; Anderson Kamar (Gabriel) e Maranhão (Rhuann). Técnico: Edson Blevio Porto.

segunda-feira, 29 de abril de 2013

COMEMORAÇÃO DO CENTENARIO DO PARNAIBA SPORT CLUBE DIA 1º DE MAIO

Jogo festivo em Parnaíba marcará o Centenário do Parnahyba Sport Club


Na próxima quarta-feira (01/05), Dia do Trabalhador o Parnahyba Sport Club da cidade litorânea de Parnaíba estará completando “100 Anos” de história, e para comemorar a importante data o Estádio Municipal Mão Santa será “cenário” de um grande jogo entre a Seleção da Associação de Garantia aos Atletas Profissionais (AGAPI-PI) e a Seleção de Jogadores que passaram por clubes piauienses. A partida acontecerá às 8h30min com entrada franca.


O jogo contará com ex-atletas como: Sima; Etevaldo; Toinho; Sabará; Luís Eduardo; Alemão e Zezé, dentre outros, além da participação do “boleiro” Senador Wellington Dias. O evento tem a organização do ex-jogador Seixas e Paulinho Portela.
Seixas disse que essa homenagem é mais do que justa, já que ele foi um dos atletas que vestiram a camisa do Parnahyba nesses 100 Anos de história do time azulino. 
Durante o evento comemorativo serão homenageados alguns ex-atletas e dirigentes, com destaque todo especial para o folclórico ex-goleiro Mário Pereira de Sousa, o popular “Mário Boi”. Também receberão homenagens desportistas que colaboraram para o engrandecimento do futebol no Piauí.

PARNAIBA TERÁ JOGO EXIBIÇÃO ENTRE OS MASTERS DIA 1º DE MAIO

O Parnahyba Sport Club convida a todos os parnaibanos e torcedores do Tubarão do Litoral para a festa de comemoração do centenário do clube. Será realizado um jogo comemorativo entre Masters do Parnahyba X Seleção Piauiense, no dia 1 de maio, às 8:30 hs  no Estádio Municipal.

ORGANIZAÇÃO SEIXAS  GINO LIRA E OUTROS

TEREMOS JOGADORES QUE VESTIRAM A CAMISA DO TUBARÃO E OUTROS TIMES PIAUIENSES PELA SELEÇÃO DE MASTERS DO PIAUI COMO;

SEIXAS,BILÉ,JOÃOZINHO,CARLÃO,PEDRINHO BRITO,DENTER OUTROS ....PRESTIGIE NÃO DEIXE DE COMPARECER.




 

domingo, 28 de abril de 2013

FLAMENGO LARGA NA FRENTE PARA FINAL.

Flamengo-PI faz o dever de casa e vence o Parnahyba no Lindolfinho

A Raposa venceu por 2 a 0 e agora leva para o litoral a vantagem do empate, O Tubarão agora precisa vencer e levar o jogo para prorrogação

Por Wenner Tito Teresina
Comente agora
No jogo de ida das semifinais do Campeonato Piauiense, melhor para o Flamengo-PI que, jogando em casa, saiu na frente ao vencer pelo placar de 2 a o e ficar um pouco mais próximo da decisão do Estadual. Os gols do rubro-negro foram marcados ainda no primeiro tempo. Primeiro foi Neílson que recebeu passe dentro da grande área, e depois Niel, que acertou um belo chute da meia-lua após receber cruzamento de Augusto.
O jogo de volta está marcado para o próximo domingo (5), no Estádio Mão Santa, em Parnaíba. Lá o rubro-negro precisa apenas de um empate para se garantir na decisão do Estadual. Em caso de vitória do Parnahyba, a vaga vai ser decidida na prorrogação, onde o time do litoral joga pelo empate.
Fla-PI pressiona e abre vantagem
O Parnahyba veio armado com três atacantes querendo surpreender o Flamengo-PI em seus territórios. No entanto, foi o rubro-negro que dominou a primeira etapa e criou as principais oportunidades de marcar gols, principalmente nas jogadas organizadas por Niel, que foi deslocado da lateral direita para o meio campo.
Flamengo-PI x Parnahyba semifinal (Foto: Náyra Macêdo/GLOBOESPORTE.COM)Momento do primeiro gol marcado pelo Flamengo-PI (Foto: Náyra Macêdo/GLOBOESPORTE.COM)
Aos oito minutos, Léo Maceió, que ocupava a vaga de Niel na lateral, avançou até a linha de fundo e cruzou, mas Neílson pegou mal a cabeçada e a bola foi para fora. A redenção, no entanto, veio no lance seguinte. O meio campo recebeu dentro da área, limpou a marcação e chutou com força, vencendo o goleiro Aranha.
O rubro-negro era melhor e mantinha-se o tempo todo no ataque. Deslocado para o meio-campo, Niel mostrou muito entrosamento com Neílson, Edson Dí e Augusto, tornando o time bem articulado no ataque. Aos 20 minutos, ele tabelou com Edson Dí, que o colocou livre na área. O chute foi defendido por Aranha e, no rebote, o próprio Dí mandou por cima.
Aos 24, o segundo gol. Augusto fez bela jogada pela esquerda, se livrando da marcação e cruzando para a entrada da área, onde Niel pegou de primeira um belo chute que o goleiro Aranha não conseguiu defender. Logo após ampliar o placar, o rubro-negro perdeu Neílson, que deu lugar a Bruno Potiguar após sentir uma fisgada na coxa. Sem um de seus armadores, o time da capital caiu de rendimento e o Parnahyba começou a pressionar.
Aos 30, Ivan avançou livre pela intermediária e arriscou de fora da área. Robson se atrapalha e não segura a bola, que sai pelo escanteio assustando os torcedores rubro-negros. Já no fim da primeira etapa, o Parnahyba permanecia tentando descontar. Aos 42, Capela aproveitou que a bola sobrou para ele dentro da área e chutou para boa defesa do goleiro adversário.
Já nos acréscimos, a última chance do azulino de descontar. Alessandro cortou mal e entregou a bola para Capela na região da meia-lua. O meio-campo limpou a marcação e chutou, Robson mais uma vez não segurou e a bola foi para escanteio. Mas ficou por isso mesmo, e o Flamengo-PI levou uma vantagem de dois gols para o intervalo.
Ritmo diminui e placar permanece
A segunda etapa teve um atraso para recomeçar. Uma das torres de iluminação do Estádio Lindolfo Monteiro apresentou um problema e precisou ser consertada para poder funcionar. Problema resolvido, as duas equipes voltaram a campo sem nenhuma mudança para o tempo complementar.
Flamengo-PI x Parnahyba semifinal (Foto: Nayra Macêdo/GLOBOESPORTE.COM)Zé Rodrigues toma a bola e vai ao ataque
(Nayra Macêdo/GLOBOESPORTE.COM)
O jogo não apresentou mais o ritmo frenético do primeiro tempo. As duas equipes não conseguiam mais criar o grande número de chances de gol que haviam criado antes, e os principais lances se resumiram às bolas paradas.
Na segunda metade do tempo complementar, o Parnahyba chegou a crescer no jogo e manter a posse de bola por mais tempo no ataque. Ainda assim, o azulino não conseguia desenvolver as jogadas a ponto de ter uma chance clara, sempre esbarrando na marcação ou errando o último passe.
Já nos acréscimo, Barata recebeu livre dentro da área, mas preferiu o passe para o companheiro, que foi interceptado. Pegando o rebote, ele ainda tentou encobrir o goleiro Robson, que segurou e garantiu a permanência do placar.

sexta-feira, 26 de abril de 2013

ARTILHARIA DO CAMPEONATO PIAUIENSE 2013

DEPOIS DO TÉRMINO DA FASE CLASSIFICATORIA A BRIGA PELA ARTILAHRIA FICOU ASSIM:
10 gols - Raphael Freitas (Picos).NÃO  JOGA MAIS
8 gols - Pretinho (4 de Julho)NÃO JOGA MAIS.
7 gols - Cafezinho (Cori-Sabbá).NÃO JOGA MAIS

6 gols - Edson Di (Flamengo) e Zé Rodrigues (Parnahyba).
5 gols - Augusto (Flamengo) e Fabiano (Piauí).
4 gols - Joniel (4 de Julho),NJM, Tadeu (Picos)NJM, e Anderson Kamar (River).
3 gols - Anderson Baiano (Barras)NJM, Laércio (Flamengo), Fabinho (Parnahyba), Maninho e Boiadeiro (Piauí).
2 gols - Juninho Maranhense (4 de Julho), Luiz Henrique, Paulo Roberto, Dylson, Felipe, Non (Barras), Jackson, Ranielson, Cleiton Mendes (Cori-Sabbá), Rafinha (Flamengo), Marcos Gasolina, Ivan, Luciano (Parnahyba), Thiago Campelo, Victor, Darley (Piauí), Jarbas (Picos), Isael William, Tote, Thiago Marabá, Maranhão e Rhuann (River).
1 gol - Renan Carioca, Flávio Barros, Marlon, Wilsinho, Renan (4 de Julho), Wenderson, Fred, Helder, Wander (Barras), Diego, Cacá, Klayton Maranhão, Pelezinho, Anderson, Vanin (Cori-Sabbá), Niel (Flamengo), Gilmar Bahia, Everton Felipe, Idelvando, Eridon, Capela, Daniel, Totonho (Parnahyba), Diego, Girlan (Piauí), Rodolfo, Renato Frota, Jefferson Pipoca, Bibi, Jairo, Boni, Marcinho (Picos), Jardel, Pantico, Bruno Carvalho, Zé Rodolpho e Célio (River).

TJD PODERÁ SER ACIONADO E BARRAS PODE PERDER 06 PONTOS.


Anderson Baiano levou o terceiro cartão amarelo, mas continuou jogando pelo Barras, contra Piauí e 4 de Julho.
Embora tenha somado 16 pontos ganhos e garantido sua participação na VI Copa Piauí, a ser disputada no segundo semestre, a equipe do Barras está seriamente ameaçada de ficar fora da competição que indicará mais um representante do Estado para a Copa do Brasil de 2014. O time barrense poderá ser punido com a perda de 6 pontos pelo Tribunal de Justiça Desportiva.
O problema foi questionado pelo presidente da Sociedade Esportiva de Picos, Paulo Laureano, que esteve na FFP e conversou com o presidente Cesarino Oliveira, oportunidade em que fez uma explanação do problema. Paulo alegou que o meia-atacante Anderson Baiano, do Barras, teria jogado de forma irregular nos dois últimos compromissos de sua equipe, contra Piauí e 4 de Julho. "Ele estava suspenso automaticamente pelo terceiro cartão amarelo e ainda não cumrpiu a suspensão", alegou o dirigente.
Na noite desta segunda-feira, o SITE DO BUIM fez uma pesquisa nas súmulas publicadas no site oficial da FFP e, de fato, constatou que o tema levantado pela SEP tem procedência. Anderson Santos Barreto, o Anderson Baiano, foi advertido com cartão amarelo nos jogos dos dias 02 de março (0x0 Flamengo), 07 de abril (1x0 Cori-Sabbá) e 13 de abril (1x1 Flamengo).
Paulo Laureano agora quer a vaga que sria do Barras. TJD será provocado na próxima semana.
Com três cartões amarelos, ele teria que cumprir a suspensão no dia 21, contra o Piauí. mas Anderson jogou, sendo substituído no 2° tempo. Contra o 4 de Julho, na última rodada, ele voltou a jogar irregularmente, mas desta vez foi substituído ainda no 1° tempo. Como a legislação prevê a perda de 3 pontos para a equipe que joga com um atleta irregular, Barras deve ser apenado com a perda de 6 pontos, em face da irregularidade ter acontecido duas vezes, o que lhe deixaria com apens 10 pontos ganhos, na lanterna da competição e eliminada da Copa Piauí.
No ano passado, o 4 de Julho também viveu esse problema, fato que lhe custou a perda do título do primeiro turno da Copa Piauí. Na ocasião, o time colorado atuou uma partida com o atleta Alex Paraíba irregular. E foi punido pelo TJD com a perda de 3 pontos.

quinta-feira, 25 de abril de 2013

ELIMINADOS ACABOU CAMPEONATO PIAUIENSE 2013



                              4 DE JULHO ELIMINADO EM 5º COLOCADO SE TIVESSE MAIS UM RODADA SERIA CLASSIFICADO ESTAVA SUBINDO DE PRODUÇÃO ,DESTAQUE ATACANTE PRETINHO.ESTA NA COPA PIAUI NO PRÓXIMO SEMESTRE.

CORI SABA TEVE UM PÉSSIMO COMEÇO DE CAMPEONATO COMECOU A MELHORAR NO FINAL. TAMBEM ESTA CLASSICADO PARA COPA PIAUI .

BARRAS PARTICIPOU COM UM TIME JOVEM,FOI MUITO INCONSTANTE ,NÃO MATEVE UMA REGULARIDADE NO CAMPEONATO.CONSEGUIU AINDA SE CLASSIFICAR PARA COPA PIAUI.

PICOS , A SEP FOI MAL NESTE CAMPEONATO TERMINOU NA LANTERNA.NÃO ESTA NA COPA PIAUI.

DIRETORIA DO 4 DE JULHO MOSTRA TRANSPARENCIA EM SUAS CONTAS.

Sai a prestação de contas do 4 de Julho - mês março de 2013

SALDO DEVEDOR (JAN, FEV E MARÇO) = 41.860,06
(0) Comentários | | Postado por: Silvio Vieira em Esporte
PRESTAÇÃO DE CONTAS MÊS DE MARÇO DE 2013
Folha de pagamento de Pessoal =44.400,00
Hospedagem e Alimentação de atletas e treinador=14.900,00
MaterialEsportivo  =830,00
Material de Limpezapara Vestiário, Sabãopara Lavagem do Material Treino e Jogo=130, 83
Lavadeira de Roupas Treino e Jogo=400,00
Frutas e Verduras para os Atletas = DOADOS PELO SACOLÃO4 DE JULHO E SACOLÃO WILLIAN
Medicamentos =726,50
Gelo/Café/Açucar = 82,50
Passagens dos Jogadores BEL, RANAN(ZAGUEIRO), TÉO, treinador JORGE PINHEIRO = 480,00
Marcação do campo jogo contra Barras e Picos= 400,00 (tinta, super cal e mão de obra)
Viagens a Teresina=02 viagens   (200,00)
CD’S para Gravação dos Jogos=15,00
Divulgação Carros de Som= Doados PeloPARAÍBA, A CRED NORTE MOVEIS, CASAS BOM JESUS
Ligações para Telefones fixos =22,40
Bicho por vitórias jogo contra Piauí e Picos=2.000,00
Deslocamento lanche= duas vezes Teresina (380,00)
Jantar para atletas e comissão técnica= 1.155,002 jogosTeresina (1 janta em Teresina e uma em Piripiri)
Frete ônibus= duas vezesTeresina (2.000,00)
Patrocino= 51.500,00 (Prefeitura de Piripiri)
Outros Patrocínios= 4.000,00 (CHRISFAPI e J FRIOS)
Apoio de torcedor= 800,00 (JUNIOR BARBOSA e SR JÔNATAS MELO– CARTÓRIO), VEREADOR RÉVETRIO SOUSA= 1.000,00 + 1.000,00 de outros torcedores (Total = 2.800,00)
Rendas jogos Corissabá (arrecadado 5.450,00 ficou 2.363,75), Barras (arrecadado 3.350,00 ficou negativo 510,25) e Picos (arrecadado 1.725,00 ficou negativo 1.126,25)
ARRECADADO TOTAL= 59.827,25
DESPESAS TOTAIS= 68.122,23
SALDO DEVEDOR         =8.294,98
Patrocínio Prefeitura; 40,000,00 (janeiro) , 47,800,00 (fevereiro), 51.500,00 (março)
Despesas; 60.268,23 (janeiro), 69.279,83 (fevereiro), 68.122,23 (março)
SALDO DEVEDOR (JAN, FEV E MARÇO) = 41.860,06

quarta-feira, 24 de abril de 2013

TUBARÃO DO LITORAL PEGA GALO APLICA 4X1 E RETOMA A VICE LIDERANÇA DO CAMPEONATO.



                              PARNAIBA JOGOU E GANHOU COM ARANHA .IVAN,ERIDON ,GILMAR BAHIA E EDUARDO JUNIOR(IDELVANDRO),TOTONHO,DANIEL,CAPELA(LUCIANO) E FABINHO,EVERTON FELIPE(DANIEL) E ZE RODRIGUES.
 RIVER JOGOU E PERDEU COM TONY,TOTE,LEO,ADERALDO E JARDEL,CHICÃO(JEFERSON),ROMANO,GABRIEL(MARABA) E IZAEL WILLIAN,CURIRI (MARANHÃO)E RHUAN
 CURIRI JOGOS BEM MAIS NÃO O SUFICIENTE PARA LEVAR PERIGO AO ARQUEIRO DO PARNAIBA ,FOI SUBSTITUIDO ,NOTA 6, SEU COMPANHEIRO DE ATAQUE JOGO UM POUCO MELHOR O ATACANTE JHUAN NOTA 8 FEZ O GOL DO GALO.
 IZAEL WILLIAN MEIO APAGADO FOI EXPULSO NOTA 5,GABRIEL NÃO JOGOU BEM  NOTA 5,GABRIEL E ROMANO NÃO FUNCIONARAM NA NOITE DE HOJE NOTA 6 PARA CADA,
 GOLEIRO TONY NÃO FOI MUITO BEM.,LATERAL TOTE MUITO BOM JOGADOR DESTAQUE DO TIME NOTA 8.
A ZAGA NÃOESTEVE ILUMINADA LEO, AINDA JOGOU UM POUCO MELHOR DE QUE SEU COMPANHEIRO ADERALDO
JARDEL TAMBEM JOGOU MUITO NOTA 7




PATOLINO COM A BANDEIRINHA IZAURA.


 IDELVANDRO DEPOIS QUE ENTROU DEU MAIS VELOCIDADE AO TIME ,NOTA 8
 TOTE JOGOU MUITO NOTA 8
 ARANHA FOI  MUITO BEM NOTA 7, IVAN NÃO FOI MUITO BOM NOTA 7
 ERIDON ESTAVA BEM ATE A EXPULSÃO NOTA 6, GILMAR ESTAVA MELHOR NOTA 8
 RAMON E TOTONHO JOGARAM DE MAIS NOTA 09 CADA. E CAPELA FOI UM MAESTRO 9 ENQUANTO ESTEVE EM CAMPO, FOI SUBSTITUIDO .
 FABINHO NÃO JOGOU MUITO BEM,NOTA 6,EDUARDO JUNIOR  NÃO JOGOU AINDA TUDO QUE SABE.ZE RODRIGUES JOGOU MUITO.NOTA 09 PELO DOIS GOLS.
 LUCIANO ENTROU MUITO BEM NOTA 8,
GOLS  DO PARNAIBA ,TOTONHO AINDA NO PRIMEIRO ,ZE RODRIGUES DUA SVEZES E LUCIANO.

PIAUI TOMA SUSTO ,EMPATA COM PICOS E SE CLASSIFICA EM QUARTO

O Piauí garantiu a classificação para as semifinais do Campeonato Piauiense com uma reação histórica e consagradora. Apesar de estar perdendo por dois gols de diferença, os jogadores do Enxuga Rato incorporaram o clima de 'decisão', empataram  e asseguraram os 18 pontos necessários para carimbar a vaga na próxima fase. No Estádio Lindolfo Monteiro, a equipe empatou em 3 a 3 com o Picos pela 14ª rodada.
Os gols de Raphael Freitas (duas vezes) e Tadeu quase tiraram do colo da equipe rubro-anil a classificação; mas Boiadeiro, Maninnho e Fabiano finalizaram com sucesso três das inúmeras jogadas ofensivas construídas no segundo tempo.
Com o resultado, o Enxuga Rato fecha a primeira fase do Piauiense na quarta colocação, com 18 pontos, atrás de Parnahyba e Flamengo-PI, ambos com 22 pontos, e o líder River-PI, com 27. Enquanto isso, o Picos termina com 13 pontos e na lantena. Com isso, o time dá adeus à Copa Piauí, competição que acontece no segundo semestre.
Classificado, o Piauí volta a campo para encarar o River-PI pela  primeira partida das semifinais.
Picos domina Piauí
Os minutos iniciais foram marcados pelo clima morno entre as duas equipes. A ansiedade apresentada pelos jogadores do Piauí ficou evidente nos dois impedimentos cometidos por Fabiano em investidas a meta do goleiro Clébio.
Aproveitando a ansiedada adversária, o Picos foi ao ataque. Artilheiro do campeonato, Raphael Freitas deixou sua marca na partida. Em subida pelo lado direito, o atacante recebeu o cruzamento na medida, o suficiente para abrir o placar com uma cabeçada certeira no angulo do goleiro Lucas: 1 a 0 Picos.
Picos e Piauí Campeonato Piauiense Futebol (Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)Picos começa na frente e quase atrapalha os planos do Piauí (Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)
A partir daí, os jogadores do Enxuga Rato tentavam fazer a bola girar em campo, alternando passes nos dois lados da defesa adversária. Phabollo se apresentava pelo lado direito, enquanto Júnior apostava em bola parada nas cobranças de escanteio. Em uma destas investidas, Boiadeiro aproveitou e, de cabeça, viu a bola entrar lentamente: 1 a 1.
O gol não deu a tranquilidade que o Piauí precisava. A equipe continuou errando passes. Estes se revertiram em contra ataques do Zangão. O time de Picos, aliás, não demorou a ficar mais uma vez na frente no placar. Aos 27 minutos,  em jogada de ataque pela intermediária, o meio campo Tadeu tabelou, olhou para o gol e apostou no chute. Apesar da pouca força, o goleiro Lucas não teve sorte e o quique da bola o enganou: 2 a 1 Picos.
A todo custo, o time do Piauí buscava o jogo, sobretudo em jogadas de bola parada. A série de escanteios cobrados pelo meio campo Júnior não surtiram efeito e pouco puderam contribuir para que a equipe diminuísse a diferença.
De tanto subir ao ataque, o elenco deixou a retaguarda desprotegida, dando sinal verde para os contra ataques do Zangão. Em um deles, Tadeu voltou a recebera bola no ataque e, em jogada individual, driblou o goleiro Lucas e mandou para o fundo da rede: 3 a 1 Picos.
Picos e Piauí Campeonato Piauiense Futebol (Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)Elenco do Piauí comemora empate e a vaga para
as semifinais do Campeonato Piauiense
(Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)
Piauí chega ao empate e garante classificação
Na volta do intervalo, broncas da torcida, que foram ouvidas pelos jogadores. Sob ordens do técnico Fernando Tonet, o Piauí voltou a campo sem Júnior, dando vaga ao experiente Maninho, que logo apresentou seu cartão de visitas.
Com postura claramente renovada no segundo tempo, o Piauí buscou a reação e não deu outra. Em jogada pela entrada da área, Maninho recebeu livre na frente e teve a primeira grande oportunidade da etapa complementar. O camisa 16 limpou e mandou por cobertura, deixando o goleiro Clébio "na saudade".
A pressão recebida pelos jogadores do Piauí, no intervalo, invadiu o campo. A equipe acertou o pé e começou a trocar passes que abriram um leque de oportunidades. Em uma delas 'Fabigol', como o atacante Fabiano é apelidado pela torcida, recebeu pela esquerda e chutou cruzado com força, sem chances para a defesa picoense. O empate em 3 a 3 pôs fogo na partida.
Com o empate, o Enxuga Rato garante a classificação rumo as semifinais do Campeonato Piauiense.

CORISABA EMPATA COM FLAMENGO E TIRA A VICE LIDERANÇA DA RAPOSA

Cori-Sabbá empata com Flamengo-PI e dá adeus ao Campeonato Piauiense

Em casa, alvinegro pressiona, mas não consegue superar Raposa. Time termina Estadual na sexta colocação e assegura uma vaga na Copa Piauí

Por GLOBOESPORTE.COM Teresina
Comente agora
O sonho acabou. Mesmo empurrado pela sua torcida, o Cori-Sabbá não conseguiu superar o Flamengo-PI e deu adeus ao Campeonato Piauiense na noite desta quarta-feira (24). Em partida realizada no Estádio Tibério Nunes, em Floriano, o alvinegro empatou em 1 a 1 o duelo válido pela 14ª rodada do Estadual e encerrou a sua participação no torneio na sexta colocação.
O empate no Tibério Nunes teve tons de drama e começou com gol do Flamengo-PI, aos 23 minutos do primeiro tempo, com Edson Di. A reação do Cori-Sabbá veio na etapa final, com Cafezinho, aos 15.
Com o resultado, o Flamengo-PI chegou aos 22 pontos e encerrou a primeira fase do Campeonato Piauiense na terceira colocação. O time agora enfrenta o Parnahyba em uma das semifinais do Estadual. O Cori-Sabbá, por sua vez, chegou a 16 pontos e assumiu a sexta posição, asseguranda vaga na Copa Piauí.
Edson Di, atacante do Flamengo-PI (Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)Edson Di abriu a contagem para o Flamengo-PI
(Foto: Renan Morais/GLOBOESPORTE.COM)
Cori-Sabbá pressiona, mas Edson Di desequilibra e Flamengo-PI abre o placar
Tranquilo e com a classificação garantida, o Flamengo-PI entrou em campo disposto a se aproveitar do desespero do Cori-Sabbá. Logo a um minuto de jogo, o rubro-negro quase aumentou a apreensão da torcida alvinegra, quando Darlan se livrou da marcação e bateu com perigo para o goleiro Andrei.
Depois disso, o que se viu em campo no primeiro tempo foi um Cori-Sabbá pressionado, mas quem acabou abrindo o placar foi o rubro-negro. Aos 23 minutos, Neilson serviu Edson Di e o camisa 11 flamenguista bateu sem chances para Andrei, fazendo 1 a 0 Raposa.
Com o time em desvantagem no placar, Nelson Mourão mandou os experientes Vanin e Pelezinho para o aquecimento antes do intervalo.
Vanin entra, Cori-Sabbá empata, mas sonho da classificação acaba
Na volta do intervalo, Nelson Mourão promoveu a entrada de  Vanin no lugar de Kaká no Cori-Sabbá, e o experiente jogador demorou pouco tempo para mostrar seu cartão de visitas ao Flamengo-PI: em seu primeiro lance em campo, ele arriscou de fora da área e assustou o goleiro flamenguista Robson.
Aos oito, o Cori-Sabbá quase empatou: Cafezinho fez grande jogada individual, fez fila na defesa rubro-negra e obrigou Robson a fazer boa defesa e mandar para escanteio. Logo em seguida, Nelson Mourão mandou a campo Pelezinho no lugar de Diego na esperança de mudar o jogo.
Com Vanin e Pelezinho em campo, o Cori-Sabbá ganhou força ofensiva e chegou ao empate aos 15 minutos, quando Cafezinho tabelou com Ranielson e bateu para fazer 1 a 1. Aos 42, já com o meia atacante Franzé no lugar do volante Jackson, Cafezinho quase virou a partida para o alvinegro, mas a bola acabou indo para fora, assim como o sonho de chegar às semifinais do Estadual.

BARRAS 1 X 4 QUATRO DE JULHO MORREM ABRAÇADOS,ESTÃO FORA DAS SEMI FINAIS

4 de Julho vence Barras, mas fica
fora das semifinais do Piauiense 2013

No Estádio Juca Fortes, em Barras, o Colorado vence Leão por 4 a 1, mas sai da disputa pelo título do Estadual. Equipes garantem vaga na Copa Piauí

Por Wenner Tito Direto de Barras, PI
2 comentários
O 4 de Julho foi guerreiro. Para vencer uma batalha, no entanto, é preciso também ter sorte. E esta faltou à equipe na última rodada do Campeonato Piauiense. No Estádio Juca Fortes, em Barras, a equipe venceu o Leão de Maratahoan por 4 a 1, ficou perto de comemorar a classificação para as semifinais, mas não contava com o empate do Piauí diante do Picos.
Com os resultados da rodada, o time comandado por Paolo Rossi termina a primeira fase na quinta colocação com 17 pontos, um a menos que o Piauí, quarto colocado. O Barras, por sua vez, permanece com 16 pontos e na sétima colocação. Eliminadas do Piauiense, os dois times voltam a campo somente no segundo semestre para a Copa Piauí.
Os gols do 4 de Julho foram marcados por Renan, Joniel (duas vezes) e Pretinho. Non fez o gol de honra do Barras.
Barras sai na frente; 4 de Julho vira
Os primeiros lances de perigo no Estádio Juca Fortes foram do time da casa. Com apenas um minuto de jogo, Felipe foi lançado e de fora da área quase abriu o placar para o Barras. Bel voou no canto superior esquerdo para mandar para escanteio. O Bafo começou a pressionar no ataque, mas aos cinco minutos foi a vez do 4 de Julho assustar: Mika chutou forte da lateral esquerda e carimbou a trave.
Barras x 4 de Julho pela 14ª rodada do Campeonato Piauiense 2013 (Foto: Wenner Tito)Barras sai na frente, mas não consegue segurar o 4 de Julho, no Estádio Juca Fortes, pela 14ª rodada do Campeonato Piauiense 2013 (Foto: Wenner Tito)
Após o lance, o 4 de Julho equilibrou o jogo, mas não conseguiu dominar. A partida ficou morna e os times não conseguiam converter as jogadas em chances reais de gol, mas o Colorado era quem eventualmente levava perigo. Aos 15 minutos, novamente Mika chutou de fora da área, e Douglas defendeu em dois tempos.
Aos 25, o lance que originou o primeiro gol do jogo. Fábio Ubajara chutou de fora da área e Douglas mandou para escanteio. Na cobrança, a bola sobrou para Renan cabecear e abrir o placar. Três minutos depois, o empate do Barras veio também de uma cobrança de escanteio que Non completou para as redes.
As duas equipes animaram-se mais para ir ao ataque, mas foi o visitante que conseguiu tomar a frente novamente. Após bate-rebate na área, Joniel chutou e mandou para o fundo das redes, colocando o 4 de Julho de novo em vantagem aos 38. Antes do fim da primeira etapa, a equipe de Piripiri ainda teve mais uma chance com Pretinho, que recebeu dentro da área após boa troca de passes entre Renan Carioca e Lira, mas o chute foi defendido por Douglas.
4 de Julho amplia em vão
As notícias de fora eram boas. O Piauí perdia para o Picos em Teresina, e uma simples vitória levaria o Barras às semifinais. Mas, o time perdia e mal começou a segunda etapa um banho ainda maior de água fria foi lançado na torcida. Joniel recebeu na área e completou de carrinho para as redes, aos 3 minutos do segundo tempo, fazendo 3 a 1 para o 4 de Julho.
O Barras começou a partir para cima, mais na pressa do que na qualidade. O time ia para o ataque, mas de maneira desorganizada e não conseguia criar lances de perigo ao gol de Bel. O 4 de Julho apenas se postava na sua defesa e, em subidas eventuais, chegava a assustar.
Por volta dos 20 minutos, Juninho entrou na área pela esquerda e cruzou rasteiro para Pretinho, que se atrapalhou com a bola e não conseguiu finalizar. Do lado do Barras, o lance mais perigoso foi uma cobrança de falta de Lima, que passou por cima da trave, já na casa dos 30.
Aos 43 minutos, o 4 de Julho ainda marcou o quarto. Pretinho de pênalti fez a torcida comemorar, mas não o suficiente para garantir a classificação para a próxima fase.
O resultado acabou não sendo bom para nenhuma das partes. Derrotado, o Barras viu escapar a chance de classificação para as semifinais. Já o 4 de Julho, mesmo com a vitória, ficou de fora do G-4 por apenas um ponto com o empate do Piauí diante do Picos. Fora do Estadual, para as duas equipes resta apenas se preparar para a Copa Piauí no segundo semestre.

segunda-feira, 22 de abril de 2013

HOMENAGEM AO TIME DO SÃO FRANCISCO FUNDADO EM 1º DE MAIO DE 1994 HOJE DESATIVADO TEMPORARIAMENTE.

                                   TIME DO SÃO FRANCISCO FORMADOS POR VARIOS ATLETAS DE NOSSA CIDADE ONDE MUITOS SE DESTACARAM NOS DICVERSOS CAMPEONATOS AMADORES DA CIDADE DE PARNAIBA.DESTA FOTO TIVEMOS CHIQUINHO DELTA QUE JOGOU ATE FORA DO PAIS NO IRÃ.FEZ PARTE DO TIME DO PARNAIBA DE PROFISSIONAIS.JULIO SE DESTACOU NO FUTSAL PELA SIEART TAMBEM COM CHIQUIHO DELTA.
 ESTE TIME SE DESTACOU SENDO CAMPEÃO DO TORNEIO DO PUM JOAZ SOUSA.
 BI CAMPEÃO TORNEIO DO PUM
 LPD 2ª DIVISÃO 1999 E SUBIU PARA  1ª DIVISÃO  EM 2000.
 PLANTEL DO TIME EM 2000
 CAMPEÃO SUBURBANO EM 1996
ESCUDO.

CORPO DE BOMBEIROS LEVA O TÍTULO DO TORNEIO TIRADENTES

CORPO DE BOMEIROS FOI O CAMPEÃO DO TORNEIO EM COMEMORAÇÃO AO DIA DE TIRADENTES PATRORNO DA POLICIAS MILITARES,VENCENDO A CIPTUR NOS PENALTYS JA QUE NO JOGO NORMAL EMPATARAM DE 2X2.
ARTILHEIROS DO TORNEIO FOI SD SANTOS FILHO(CB) E  SD ANDRÉ (CIPTUR)
GOLEIRO MENOS VAZADO FOI DE FONTENELE DO CORPO DE BOMBEIROS.

domingo, 21 de abril de 2013

ENTENDA COMO FICA A BRIGA POR DUAS VAGAS

DOS CINCO TIMES APENAS DOIS DEPENDEM SÓ DE SI .PARNAIBA E PIAUI

1ºSITUAÇÃO:(PARNAIBA CLASSIFICAR) - SE  PARNAIBA VENCER O RIVER OU EMPATAR ESTA CLASSIFICADO,SE PERDER PARA O RIVER VAI TER QUE TORCER PARA PIAUI EMPATAR OU PERDER PARA PICOS OU TORCER PARA BARRAS EMPATAR OU PERDER PARA O 4 DE JULHO EM BARRAS OU ATE GANHAR DE 1 OU 2 A ZERO.DEPENDENDO DE QUANTOS GOLS O PARNAIBA LEVE DO RIVER.

2º SITUAÇÃO: (PIAUI CLASSIFICAR)TEM QUE GANHAR DO PICOS EM TERESINA, SE EMPATAR VAI TER QUE TORCER PARA BARRAS EMPATAR OU PERDER PARA O 4 DE JULHO E AINDA CORISABA PERDER PARA O FLAMENGO EM FLORIANO, SE PERDER PARA PICOS AI COMPLICA POIS ESTA FORA.DEVIDO O JOGO DE BARRAS E 4 DE JULHO

3º SITUAÇÃO (BARRAS CLASSIFICAR) TEM QUE GANHAR O 4 DE JULHO SE POSSIVEL COM MAIS DE 4 GOLS,TORCER PARA PARNAIBA LEVAR UMS 2 DO 3 GOLS DE DIFERENÇA DO RIVER OU ENTÃO TORCER PARA O PIAUI EMPATAR OU PERDER PARA PICOS, SE EMPATAR COM O 4 DE JULHO VAI TER QUE TORCER PARA O PIAUI PERDER POR MAIS DE DOIS GOLS DO PICOS,E TAMBEM TORCER PARA O CORISABA EMPATAR OU PERDER PRA O FLAMENGO.

4º SITUAÇÃO(CORI SABA CLASSIFICAR) TEM QUE GANHAR DO FLAMENGO CHEGANDO A 18 PONTOS, E TORCER PARA BARRAS EMPATAR OU PERDER PARA O 4 DE JULHO E TAMBEM TORCER QUE PICOS EMPATE OU GANHE DO PIAUI.

5º(4 DE JULHO CLASSIFICAR) VENCER O JOGO EM BARRAS , E TORCER PARA PIAUI PERDER PARA PICOS E CORISABA EMPATAR OU PERDER PARA O FLAMENGO.